Arquivo - 31 de Julho de 2017

1
Sou candidato sim! Lóssio faz movimentação política e mexe com a cidade
2
Janot faz novo pedido de prisão de Aécio Neves
3
Petrolina : Na Câmara de vereadores, PG e PO voltam do recesso prometendo fogo…Você conhece?
4
Prazo final para sacar contas inativas do FGTS termina hoje
5
Jair Bolsonaro entra no PEN, mas pede mudança no nome do partido

Sou candidato sim! Lóssio faz movimentação política e mexe com a cidade

Enquanto muitos  especulam a possibilidade de não poder concorrer em uma eleição,  Julio Lóssio (PMDB), anda todo fagueiro pelo interior de Petrolina. O ex-prefeito , teve um final de semana de movimentado com correligionários, e o assunto, claro, foi politica.  Lóssio foi visto na companhia dos vereadores  Domingos de Cristália (PSL),  Gabriel Menezes (PSL) e Paulo Valgueiro (PMDB).

Caititu, Cristália e outras localidades  recebeu o quarteto, que além de levarem sua mensagem política, deixaram a certeza que Lóssio, em sua visita, deixa um recado certo … Sou candidato sim!

Lóssio, que já é sondado por diversos partidos, sabe da sua importância em uma eleição no estado. Seu nome já é cotado para uma vaga na Alepe, na Câmara Federal e até mesmo no Governo estadual.  Apesar de seu nome sofrer uma perseguição por parte de alguns no município de Petrolina, no Estado, a conversa muda de tom, e o pretenso pré-candidato tem recebido “flertes” de diversas siglas.

 

 

 

 

 

@lingua

Por Cauby Fernandes

Fotos do Facebook

Janot faz novo pedido de prisão de Aécio Neves

 

O procurador-geral da República voltou a pedir prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG) no caso o parlamentar é acusado de pedir e receber R$ 2 milhões do empresário Joesley Batista, da J&F. As informações são do jornal O Globo.

No pedido, Janot também solicitou afastamento de Aécio do mandato no Senado. O primeiro pedido  de afastamento e prisão foi rejeitado em decisão monocrática do ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF). A decisão agora ficará por conta da Primeira Turma da Corte.

@lingua

 

Petrolina : Na Câmara de vereadores, PG e PO voltam do recesso prometendo fogo…Você conhece?

Resultado de imagem para camara de vereadores petrolina

Petrolina, é uma cidade politicamente atípica das demais no estado pernambucano. No município, a politica tem um trato diferente. Se alguém sair perguntando nas ruas, a que partido pertence o vereador tal, certamente vai se decepcionar, por que a grande maioria não sabe a que sigla pertence o politico A ou B.

Resultado de imagem para ruy wanderley e paulo valgueiroNo entanto, se perguntado se é do grupo de FBC ou do grupo de  Julio Lóssio, a resposta vem imediatamente. Por isso o dia 1º de agosto de 2017, será marcado pela volta do PG e PO. Pra ser mais claro,PG é o  Partido do Governo e PO é o Partido da Oposição. O PG, vem com dois assuntos que serão duros de se argumentar. O primeiro se diz em relação as contas do ex-prefeito Julio Lóssio. Esse assunto é complicado, pois as contas de Lóssio,  foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), e se os vereadores tem a intenção de reprovar as contas, vão ter que se debruçar na argumentação, por que não é só chegar e reprovar e pronto, não funciona assim. Assunto sério para os vereadores do PG.

O outro assunto do PG, que também é muito sério, se diz em relação ao projeto de Lei do vereador Ronaldo Silva.O vereador,  quer que as empresas que tem muitas placas de outdoor na cidade, dividam o “pão”, com as que tem menos placas. Essa conversa já rendeu até briga entre os vereadores do PG. Ronaldo Cancão defendendo seus amigos, e Ronaldo Silva defendendo os seus. Quem tá gostando desse papo, são as empresas que tem 10, 20, 30 placas. Por que se o projeto é aprovado, elas sairão como verdadeiras vitoriosas,e irão abocanhar dos seus concorrentes, aquilo que não lhes pertencia (tem gente feliz por aí).  Segundo o projeto, o teto máximo para cada empresa, será de 60 placas. Então quem tem 10 ficará com 60, e quem tem 200, ficará com 60. O negócio é quente, pois mexe com muito dinheiro .

Resultado de imagem para ruy wanderley e paulo valgueiroO PO, por sua vez,  apesar de serem apenas 5 vereadores, tem dado uma lição de boa oposição. Não se intimidam, tem argumentos consistentes, são organizados e calmos, bem diferente da turma FBC, que são sanguíneos, e vão pra cima,  Esse comportamento do PO vem tirando o sono de muita gente no município.Os  vereadores do PO, estão se organizando para fazer uma Audiencia Pública, para tratar da perda de uma das Zonas eleitorais do município. Um assunto que ainda vai render e muito no país, pois várias cidades enfrentam o mesmo problema.

Petrolina, é uma cidade politicamente atípica da demais no estado pernambucano. No município, assim como em países do primeiro mundo, a politica tem um trato diferente. Se alguém sair perguntando nas ruas a que partido pertence o vereador tal, certamente vai se decepcionar, por que a grande maioria não sabe a que sigla pertence o politico A ou B.  Cabe aos líderes do PG e PO se posicionarem. E assim os dias vão passando e 2018 chegando…

Por Cauby Fernandes

@lingua

 

 

Prazo final para sacar contas inativas do FGTS termina hoje

Resultado de imagem para caixa economica

Esta segunda-feira (31) é o último dia para sacar as contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo do Tempo de Serviço (FGTS). Tem direito a sacar quem pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015. Quem não conseguir fazer os saques, tem até dia 31 de dezembro, mas somente casos excepcionais e comprovados serão aceitos. A extensão da data limite foi autorizada por um decreto assinado pelo presidente Michel Temer na última quarta (26).

O Planalto citou doentes graves e presos como exemplo de pessoas que poderão comprovar a impossibilidade de ter retirado o dinheiro das contas inativas. A justificativa deve ser feita diretamente à Caixa Econômica Federal (CEF), que vai definir um novo calendário somente para os casos citados. Os demais só podem efetuar o saque das contas inativas até esta segunda. Se o beneficiário não retirar o dinheiro até o prazo final, o valor volta para a conta do FGTS e só poderá ser retirado nas hipóteses que permitem o saque, como doenças graves ou aposentadoria.

A Caixa informou que, mesmo os trabalhadores que formalizarem o pedido de última hora, poderão sacar. No entanto, casos com pendências só serão resolvidos se os ajustes necessários dependerem exclusivamente do banco. Se o trabalhador tiver que fazer ajustes no cadastro, por exemplo, e estiver com todos os documentos necessários, conseguirá ter o saque liberado, segundo a Caixa.

Para atualização de dados pessoais, são necessários Carteira de Identidade (RG), carteira de trabalho e número do PIS/NIS. Em caso de comprovar saída do emprego, pode ser que seja necessário o termo de rescisão de contrato – há casos de trabalhadores que não deram baixa do emprego na carteira de trabalho.

A Caixa criou o site exclusivo para as contas inativas, onde é possível ver o saldo e as possibilidades de saque do dinheiro. O trabalhador pode ainda consultar o saldo no site da Caixa ou pelo aplicativo FGTS da Caixa. Para realizar a consulta, é preciso informar o número de CPF ou PIS/Pasep (NIS).

A consulta do extrato do FGTS também pode ser feita presencialmente no balcão de atendimento das agências ou em postos de atendimento, utilizando o Cartão do Cidadão, desde que tenha em mãos a senha. Não é possível consultar o extrato do FGTS pelo telefone.

@lingua

(fonte: G1 Brasília/foto: reprodução)

Jair Bolsonaro entra no PEN, mas pede mudança no nome do partido

  Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) vai se filiar ao Partido Ecológico da Nação (PEN). De acordo com o a coluna Esplanada, do jornal O Dia, a mudança já foi definida junto ao presidente da legenda, o ex-deputado Adilson Barroso. O anúncio oficial deve ocorrer nas próximas semanas, de acordo com o colunista.

Pré-candidato à eleição presidencial de 2018, Bolsonaro deve levar para a legenda os filhos Carlos, deputado federal, e Flávio, deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Os herdeiros devem dirigir a legenda em São Paulo e no Rio.

O presidenciável teria condicionado a entrada no partido a uma mudança de nome da legenda. Bolsonaro sugeriu o nome Pátria Amada Brasil (PAB), que ainda será analisado pela executiva da sigla.

@lingua