Arquivo - Março 2017

1
Titulo de cidadão é dado sem pré requisitos em Petrolina…Vale tudo
2
A mentira da secretária de Educação de Petrolina e do governo novo tempo
3
Zé do Caixão é internado em São Paulo
4
Ministério da Integração reconhece emergência em 81 municípios
5
Governo suspende licença para exportar de 21 frigoríficos sob suspeita
6
Tony Ramos pensa em cancelar contrato com Friboi: ‘Tenho esse direito’
7
EXCLUSIVO! Miguel Coelho erra mais uma vez ! Petrolina terá São João com mais de 30 dias de festa
8
Miguel Coelho com o olho no gato e na sardinha. Vinda do Ministro da Educação gera expectativas
9
BNDES retoma mais dois contratos com empresas da Lava Jato
10
PF indicia ex-capa da Playboy na Lava Jato
11
Secretaria de Cidadania de Petrolina tem funcionários despreparados e mau humorados
12
Lista de Janot inclui dez governadores; volume de casos preocupa tribunal
13
Vereador aponta falta de transparência em processo seletivo da Prefeitura de Petrolina
14
Ex -secretária de cidadania em Petrolina esclarece sobre Restaurante Popular
15
ProRural atende comunidades rurais de Afogados com projeto de abastecimento
16
Brasileiros entram em campo nesta quarta pela Libertadores

Titulo de cidadão é dado sem pré requisitos em Petrolina…Vale tudo

Resultado de imagem para titulo de cidadao petrolinense

Os vereadores de Petrolina começaram a conceder titulo de cidadão aqueles que lhes ajudaram a se eleger. O que mais impressiona é que a honraria tem sido dada para pessoas que nada de relevante , ou quase nada, fizeram pelo município. Pessoas sem a minima condição de ter uma honraria de tamanha grandeza.

O  título de Cidadão é  entregue a uma pessoa importante, por prestar serviços que ajudem no desenvolvimento social local. No entanto o que estamos vendo em Petrolina parece pagamento pela ajuda que foi dada na eleição passada, e , como forma de agraciar seus eleitores, os vereadores  passam a conceder a honraria, sem ao menos saber o histórico de vida dos agraciados.

A concessão do título honorário de “Cidadão” de um Município pela Câmara de Vereadores, deve ser bem analisada, estudada e explicada com detalhes, não só aos pares (Vereadores), mas à sociedade local como um todo. Quando a Câmara Municipal outorga um título de cidadania honorária, ela está equiparando o homenageado a uma pessoa nascida no Município, e dintinguindo-a com especial destaque no cenário sócio-cultural-administrativo e até religioso da comunidade.

Ora, para que essa pessoa não nascido no Município seja considerada conterrânea, faz-se necessário, que essa pessoa seja ou tenha sido uma benfeitora na comunidade que lhe conferiu tal cidadania. É fundamental que se diga na Justificativa do Projeto de Resolução ou Decreto Legislativo, que se submete à apreciação dos Vereadores, o que o pretenso homenageado fez pelo povo e pela sociedade que lhe concede a cidadania, e uma delas, fundamentalmente, será ter residido no Município há alguns anos e nesse período haver prestado serviços merecedores de registro e reconhecimento do trabalho desempenhado em favor do Município ou de entidades nele existentes. O simples fato de uma pessoa prestar serviço no Município não significa prestar serviço ao Município.
Por Cauby Fernandes

 

A mentira da secretária de Educação de Petrolina e do governo novo tempo

Resultado de imagem para mordidas de crianças no nova sementeA Secretária de Educação de Petrolina, Maéve Melo, esteve na creche, em que uma criança foi mordida pelo colega de turma no bairro Alto do Cocar, em Petrolina e segundo a gestora da pasta, duas professoras tomam conta do espaço onde o episódio ocorreu. Maéve  disparou: “O que aconteceu não justifica.O  trabalho tem que ser redobrado para que isso não aconteça novamente. Faltou acompanhamento, é preciso  ficar com a criança  todo tempo,  e é necessária muita assistência”, falou a Secretária de Educação.

Ela não sabe do que fala! Pensa que é fácil cuidar de muita criança sozinha em uma sala de aula. Ato irresponsável da gestão municipal , palavras sem nexo, de uma secretária  que não conhece a realidade de um programa que foi todo mudado para o bel prazer do governo novo tempo.

Quando o programa foi criado, sempre tinha na sala de aula das creches, duas educadoras. Miguel e seu governo novo tempo (que já é arcaico),  demitiu 1.300 mulheres alegando que era gente demais, e ai, colocou nas costas das sementeiras uma carga excessiva de cuidados. Como pode uma pessoa cuidar de 16, 20 crianças sozinhas? Não tem condições! Agora a secretaria vem dizer que a culpa é das professoras?  A culpa é  de quem mexeu no formato original do programa, tirando o direito da mulher pobre de deixar seus filhos acolhidos com segurança.

A irresponsabilidade da gestão no tratar com o povo é notória. Miguel,  vai se preocupar sim,  com as grandes obras, asfalto, praças,avenidas, mas  com o povo, o povo que se exploda!  Tá no seu DNA politico.

“Tinham duas professoras fazendo o acompanhamento no momento” disse Maéve Melo.É mentira! Outra mentira é dizer que estão dando assistência a família da criança. O dano foi causado, não tem reparo!

A irresponsabilidade da gestão no tratar com o povo é notória. O povo que se exploda!

Por Cauby Fernandes

 

Zé do Caixão é internado em São Paulo

O ator e cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, foi internado em São Paulo após uma infecção em seu cateter durante uma sessão de hemodiálise, informa o EGO. Mojica, que tem 81 anos, precisou colocar o tubo em 2014.

“É uma infecção complicada, claro, mas o pior já passou. Tem mais de uma semana que ele está internado por conta disso que aconteceu durante uma hemodiálise (que ele faz três vezes por semana). O problema maior foi por conta da bacteremia, que é quando a infecção vai para a corrente sanguínea. É um quadre grave, mas que está se normalizando. Ele chegou a ir pra UTI por conta dos fortes medicamentos, mas saiu de lá e foi para um semi-intensivo”, explica a filha de Mojica, Liz Marins.

O problema foi detectado no último dia 11, data do aniversário do astro.

“Estávamos planejando comemorar os 81 anos dele em um restaurante com frutos do mar. Como não fomos, ele fica cobrando. Já disse que iremos assim que ele sair do hospital, o que deve acontecer nos próximos dias. Até o fim de semana ele deve estar em casa. E ele está cheio de planos, está voltando a interpretar o personagem…. Agora é ficar 100% e continuar”, disse Liz.

@lingua

Ministério da Integração reconhece emergência em 81 municípios

O governo federal reconheceu hoje (20) situação de emergência em 81 municípios brasileiros nos seguintes estados: Alagoas, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Pará, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. Nos oito estados, regiões foram atingidas por desastres naturais diversos, como seca e estiagem, chuvas intensas, alagamentos e deslizamento de solo.

De acordo com o Ministério da Integração Nacional, o dinheiro destinado para as prefeituras servirão para que as cidades restabeleçam serviços essenciais e recuperem as áreas danificadas.

No estado de Alagoas, 68 cidades foram prejudicadas pelo extenso período de seca e estiagem. O mesmo ocorreu com os municípios baianos de Miguel Calmon, Nova Itarana, Pé de Serra e Pindobaçu, além de Colatina, no Espírito Santo, e Graccho Cardoso, em Sergipe.

Já os municípios de Mariápolis (SP), Uru (SP) e Itaituba (PA) foram atingidas por chuvas intensas, situação que também provocou enxurradas em Conceição do Araguaia e alagamentos em Rio Maria, ambas no Pará.

Também obtiveram reconhecimento federal de situação de emergência os municípios de Tefé (AM), que teve estruturas danificadas pelo deslizamento de uma encosta, e Porto Belo (SC), onde uma ponte foi destruída.

 

@lingua

Com informações da Agência Brasil.

 

Governo suspende licença para exportar de 21 frigoríficos sob suspeita

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou nesta segunda-feira (20) que o Brasil suspendeu a licença de exportação de 21 plantas de frigoríficos sob investigação na Operação Carne Fraca, mas que continuará a permitir a venda dos produtos dessas fábricas no mercado interno.

“Temos que correr, porque não podemos permitir o fechamento de mercados, ou para reabrir serão muitos anos de trabalho”, afirmou o ministro. “Nossa preocupação é não deixar sem resposta todos os pedidos”.

De acordo com Maggi, a China tomou a decisão de não permitir o desembaraço de contêineres de carne originária do Brasil. Técnicos do ministério se reunirão às 21h por teleconferência com representantes do país para conversar sobre a situação.

“[Os contêineres] poderão ser descarregados, mas não pode fazer desembaraço, essa carga não pode sair do porto e ir para o consumo”, explicou o ministro.

Esperamos que com essa conversa consigamos minimizar a situação”.

Em relação à União Europeia, ele afirmou que a decisão foi de suspender as importações das 21 plantas sob suspeita. “Não há nenhuma retaliação por parte dos europeus, só preocupação”, afirmou.

Maggi disse ainda que não está claro se o comunicado do Chile sobre o tema, de decidir suspender as importações, foi referente apenas às 21 plantas ou a todo o mercado. “Vamos negociar com eles esse anúncio”, disse.

Ele lembrou que a Coreia do Sul suspendeu as importações somente da BR Foods e que a Rússia está “observando o movimento da Comunidade Europeia”. “Com a definição da Europa, começamos a clarear mais esse assunto”.

@lingua

Com informações da Folhapress.

Tony Ramos pensa em cancelar contrato com Friboi: ‘Tenho esse direito’

Nesta segunda-feira (20), Tony Ramos decidiu comentar sobre o futuro de sua relação com a JBS, empresa dona da marca da Friboi, que está sendo investigada pela Polícia Federal por vender produtos supostamente irregulares.

Garoto-propaganda da marca, o ator falou em entrevista ao “Jornal da Manhã” da rádio Jovem Pan, sobre a polêmica: “A minha participação na Friboi, da qual não tenho nenhuma vergonha, se dá há três anos. Fui fazer pesquisas e saber da idoneidade da empresa. Por ser uma pessoa em que as pessoas têm confiança, fui convidado a fazer um comunicado de que nem toda carne é dessa maneira (vendida de forma ilegal)”, explicou.

O global defendeu a ação da PF e disse estar esperando uma definição da Justiça sobre o caso: “Vamos aguardar a manifestação de Ministério Público. Tudo comprovado, está tudo certo, foi pontual? Poderei vir a público, sim, esclarecer. Se alguma coisa desabone essa relação, eu tenho direito de interromper o contrato. Eu preciso contratualmente dar esse tempo. Vou dar um tempo legal”, disparou.

“Evidente que eu recebi (dinheiro pelos anúncios). Eu não sou hipócrita, sou um profissional da comunicação. Quantos companheiros já não anunciaram prédios de construtoras que faliram, coitados. Eles não tinham culpa. É uma relação muito delicada essa da propaganda. Eu não precisaria de fazer propaganda para sobreviver, graças ao bom Deus”, finalizou.

@lingua

EXCLUSIVO! Miguel Coelho erra mais uma vez ! Petrolina terá São João com mais de 30 dias de festa

Resultado de imagem para sao joao 2008 de bairros acaba em petrolina

Durante entrevista no Programa Edenevaldo Alves, na Rádio Petrolina FM, na manhã desta quinta-feira (16), o prefeito Miguel Coelho anunciou as datas do São João de Petrolina. De acordo com o gestor municipal, as festividades na cidade acontecerão de 16 de maio a 24 de junho. Um erro crasso, que vai mais uma vez fomentar  a sede dos presidentes de bairros que eram viciados nas festas de São João de bairros, e que viviam na espreita de começar o festejo, somete  para encherem seus bolsos de dinheiro à custa das atrações musicais que eram fornecidas pela prefeitura.

Miguel Coelho, já errou uma vez com o caso do Nova Semente, onde demitiu 1.300 mulheres, e agora erra de novo anunciando um São João ultrapassado e que só gerou problemas!

Funcionava assim: As associações de bairros precisavam estar com a documentação em dia para que houvesse a liberação de recursos por parte da gestão municipal. A prefeitura cedia palco, som luz  e ainda dinheiro para  pagamentos diversos, que era dado a Associação para que pagasse atrações do bairro. Os Espaços de barracas para os comerciantes explorarem o festejo, ficavam na responsabilidade do presidente, e todo dinheiro arrecadado  era repassado para a Associação (era?).

A policia Militar sempre teve muito trabalho para colocar seu efetivo para trabalhar com o são joão nos bairros, teve ano que os festejos duravam mais de 60 dias…Era uma baderna!

Agora o prefeito de Petrolina quer ressuscitar uma pratica antiga, que foi banida do nosso meio, minimizando a violência, que em épocas festivas cresce acentuadamente.

O certo  é fazer o São João em um só lugar , e pronto! Nada de viciar mais uma vez os presidentes de bairros, já não basta ter vários deles com portaria na prefeitura? Recebendo apenas para fazer pose?  Vamos ver no que vai dar !

Por Cauby Fernandes

@lingua

Miguel Coelho com o olho no gato e na sardinha. Vinda do Ministro da Educação gera expectativas

 

O Ministro da Educação, Mendonça Filho,vem a petrolina nesta sexta-feira (17),inaugurar a Policlínica da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf).O prefeito ainda espera a liberação de recursos das demandas apresentadas em Brasília, como o valor de mais R$ 1 milhão para compra de material de cozinha para rede de educação do município, que hoje funciona em sistema de comodato com empresas. Além do destravamento de obras que perderam o prazo  e estão impedindo a construção de 12 novos Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEI).

Miguel Coelho, prefeito da cidade, no entanto, tem outro interesse no encontro que terá com o ministro. Miguel,  espera  o anúncio da parceira entre a Univasf e  prefeitura, para  autorização do  uso do abatedouro da Universidade pelos criadores de caprinos e ovinos do município para o abate de animais na cidade.

Em recente  reunião com o Reitor da universidade, Julianelli Tolentino, foi  ajustado os detalhes da parceria, já que o local  precisaria  estar de acordo com as exigências da Vigilância Sanitária. Segundo informações da Universidade, seriam necessários investimentos  na ordem de R$ 200 mil, dinheiro esse, que já está garantido pelo ministério da Educação.  Segundo Miguel Coelho,o  abatedouro da Univasf tem capacidade para abater 650 animais por dia, mas a demanda do município é bem maior.

 

@lingua

Por Cauby Fernandes

 

BNDES retoma mais dois contratos com empresas da Lava Jato

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) anunciou nesta quinta (16) a retomada de dois contratos para exportação de serviços por empresas investigadas pela Operação Lava Jato, que foram suspensos em maio de 2016.

Nesta quinta, foram retomados contratos da Andrade Gutierrez e da Queiroz Galvão em Gana e na República Dominicana. Em janeiro, o banco já havia liberado um contrato da Queiroz Galvão em Honduras.

O contrato da Andrade Gutierrez em Gana refere-se à construção de um corredor rodoviário, no valor de US$ 202,1 milhões. A fatia do BNDES corresponde a 70% do total e, até o momento, o banco já desembolsou US$ 65,3 milhões.

Já o contrato da Andrade Gutierrez contempla o Projeto de Desenvolvimento Agrícola Azua II – Pueblo Viejo, no valor de US$ 72 milhões. O banco financia 73% do valor e já desembolsou US$ 13,7 bilhões.

A suspensão dos projetos de exportação de empresas relacionadas à Lava Jato foi definida pela gestão Maria Silvia Bastos Marques com base em ação da AGU (Advocacia Geral da União) contra as empresas.

Ao todo, foram suspensos 25 contratos de financiamento, no valor total de US$ 7 bilhões -dos quais US$ 2,3 bilhões já haviam sido desembolsados na época.

O BNDES explicou que faria uma análise de cada projeto, considerando o avanço físico das obras, a existência de outras fontes de financiamento e a exposição do banco ao risco.

Além disso, exige que construtoras e governos contratantes assinem termo de governança, no qual se comprometem a aplicar os recursos emprestados nos projetos.

Agora, há 21 contratos de exportação de serviços suspensos, informou o banco. Uma quarta operação, da OAS, foi cancelada pelo governo da Argentina, que decidiu concluir as obras com financiamento local.

Folhapress

@lingua

 

 

PF indicia ex-capa da Playboy na Lava Jato

PF indicia ex-capa da Playboy na Lava Jato


Três anos após receber um telefonema do doleiro Alberto Youssef avisando que havia caído na Operação Lava Jato, a modelo Taiana de Souza Camargo entrou na mira da maior investigação contra corrupção no País. Ex-amante do doleiro, Taiana foi indiciada pela Polícia Federal na segunda-feira, 13, pelo crime de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores.

Grande operador de propinas no esquema instalado na Petrobras entre 2004 e 2014, o doleiro é um dos primeiros delatores da Lava Jato. Youssef revelou pagamentos de vantagens ilícitas por empreiteiras a políticos, entre deputados, governadores e senadores.

Em janeiro de 2015, Taiana foi capa da Playboy. Nas páginas da revista ela exibiu charme e curvas generosas. E também contou que foi a primeira pessoa para quem o doleiro mandou mensagem, já na prisão da Lava Jato, em março de 2014. “Ele nunca mais me ligou depois daquela mensagem. Acho que ele primeiro pensou em se preservar. Fiquei magoada”, disse Taiana, na época.

LEIA TAMBÉM: Empresária que pediu para Moro ‘limpar país’ é alvo da Lava Jato

O ex não mais apareceu para Taiana – até porque ficou preso em regime fechado por dois anos e meio -, e ela, por sua vez, não apareceu para a Polícia Federal. Ao promover seu indiciamento indireto, a PF destacou as “inúmeras tentativas” de ouvir a moça.

“Intimada em 3 de março de 2016, não compareceu pedindo para ser ouvida por precatória. Expedida carta precatória, não compareceu às oitivas marcadas para o dia 25 de julho de 2016, apesar da intimação. Em nova intimação para o dia 6 de outubro de 2016, obteve-se a informação que se encontrava no exterior. A carta precatória foi devolvida sem cumprimento. Taiana deixou o País dia 11 de julho de 2016, retornando dia 23 de dezembro de 2016”, narra a PF.

 

Relatório da Polícia Federal, subscrito pelo delegado Ivan Ziolkowski, aponta que o doleiro, “a título de doação, transferiu um apartamento em São Paulo e uma sociedade em um restaurante para Taiana de Souza Camargo” para ocultar seu patrimônio.

“Alberto Youssef mantinha um relacionamento com Taiana Camargo e transferiu diversos bens e patrimônio para ela a título de ‘presentes’. Além de quitar diversas despesas cotidianas de Taiana como condomínio e escola de seu filho, Youssef pagou para ela em 2011 um veiculo BMW 2007”, identificou a PF.

A declaração de Imposto de Renda de Ajuste Anual/Ano 2010 de Taiana aponta recebimento de RS 44.894,00 de Pessoa Física no Exterior. Em 2011, segundo o relatório, foram transferidos R$ 62.991 mil à modelo. “Ainda em 2011, Taiana apontou na sua declaração anual um patrimônio total em 31 de dezembro de 2011 de R$ 98.940,04. Chama a atenção, no entanto, que na declaração de 2012, declarou que seu patrimônio na mesma data de 31 de dezembro de 2011 totalizava R$ 1.098.500,00. Ao que tudo indica introduziu valor injustificado como Saldo em Giro e Domicílio para justificar o apartamento que recebeu de Alberto Youssef em 2012”, destaca o delegado.

O relatório destaca que o valor estimado do imóvel, atualmente, é R$ 871.733.66. “Com as oscilações do mercado imobiliário experimentadas nesta década pode-se inferir que o valor declarado em 2012 foi compatível com a realidade”, aponta o delegado.

Para a PF, há “prova indiciária de má-fé” ao ocultar a origem do patrimônio. Segundo o relatório, Alberto Youssef declarou que a ex-amante recebeu a sociedade do restaurante Aracari “porque ele tinha restrições perante a Receita Federal, constituindo-se, portanto, Taiana, como pessoa interposta (laranja) na sociedade”.

“Evidentemente, Taiana tinha conhecimento das atividades ilícitas de Alberto Youssef, ou ao menos, era presumível que soubesse delas. Desta forma, havendo configuração clara da materialidade e autoria, pelos indícios apresentados, determino o indiciamento indireto de Taiana de Souza Camargo pelo crime de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores de Alberto Youssef”, afirma o delegado.

Na entrevista à Playboy, em 2015, Taiana relatou que, durante o namoro, tomou conhecimento de casos de corrupção envolvendo o doleiro, mas sucumbiu. “Cheguei a confrontá-lo. Mas ele disse que essas acusações eram isso, passado, e que eu estava sendo preconceituosa. Acabou me dobrando”, contou.

A reportagem deixou recado no escritório de advocacia ligado à defesa de Taiana de Sousa Camargo. Não houve retorno. O espaço está aberto para manifestação da defesa da ex-amante de Alberto Youssef.

 

@lingua

Secretaria de Cidadania de Petrolina tem funcionários despreparados e mau humorados

 

Resultado de imagem para mau humorAo contrário de muitas prefeituras que priorizam obter uma gestão moderna e democrática, o Prefeito de Petrolina,Miguel Coelho, parece não se preocupar com a eficiência de seus funcionários, pois os mesmos assumiram seus cargos sem uma mínima preparação e treinamento.

É notório o  despreparo dos nomes indicados a cargos nas secretarias  na atual gestão. Um exemplo dessa falta de preparo está na  secretaria de Cidadania. Quando a gestora da pasta viaja, a secretaria fica desguarnecida da boa educação.  Funcionários que barram a imprensa, impedindo até  de fazer fotografias, pessoas que maltratam o povo com mau humor exacerbado, que a falta de educação é uma marca registrada!   enfim … É preciso rever conceitos na s contratações.

O povo PETROLINENSE entende que muitos dos cargos na prefeitura  são atribuídos pela troca de favores no período da campanha eleitoral, ou até mesmo pela afinidade e confiança que o prefeito atribui a essas pessoas. Porém o povo entende que é preciso conhecer os procedimentos técnicos para que o funcionário se aperfeiçoe  nas suas respectivas áreas. É necessário ter conhecimento sobre as questões legais que envolvam a função.

CAPACITAÇÃO AOS SERVIDORES E AOS SECRETÁRIOS MUNICIPAIS É UMA NECESSIDADE, SÓ ASSIM O SERVIÇO PÚBLICO SE TORNARÁ REALMENTE EFICIENTE.

Por Cauby Fernandes

Lista de Janot inclui dez governadores; volume de casos preocupa tribunal

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) foi informado de que receberá os casos de dez governadores incluídos na “lista de Janot” – como foram apelidados os 83 pedidos de abertura de inquérito registrados pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no STF (Supremo Tribunal Federal).

No tribunal, o volume surpreendentemente alto de processos já preocupa: avalia-se que não é apenas o Supremo que ficará sobrecarregado com os pedidos de abertura de inquérito.

O STJ é a instância responsável por julgar processos contra governadores, que têm foro privilegiado nesse tribunal. Antes, porém, esses casos devem ser antes liberados pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF.

Os nomes das pessoas atingidas pelos pedidos da Procuradoria permanecem sob sigilo. Em nota, o órgão informou que Janot, solicitou ao ministro Fachin o fim do segredo dos documentos, “considerando a necessidade de promover transparência e garantir o interesse público”, segundo o órgão.

As investigações são relacionadas aos depoimentos de 77 delatores ligados à empreiteira. Há, no entanto, mais um delator da Odebrecht, cujo acordo foi homologado pelo tribunal.

São executivos e ex-executivos, incluindo Emílio e Marcelo Odebrecht, que trataram, em acordo com a Justiça, sobre pagamento de propina e entrega de dinheiro por meio de caixa dois com o objetivo de reduzir as penas nos processos da Lava Jato.

Pelo menos seis ministros do governo de Michel Temer estão na lista de pedidos de inquéritos: Eliseu Padilha (Casa Civil), Marsos Pereira (Indústria e Comércio), Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência), Bruno Araújo (Cidades), Gilberto Kassab (Ciência e Tecnologia e Comunicações) e Aloysio Nunes Ferreira (Relações Exteriores).

Segundo a reportagem apurou, integram a relação ainda os presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), além dos senadores Renan Calheiros (PMDB-AL), Romero Jucá (PMDB-RR), Edison Lobão (PMDB-MA), José Serra (PSDB-SP) e Aécio Neves (PSDB-MG). O presidente Michel Temer não é alvo de pedido específico de inquérito.

A Procuradoria incluiu os nomes dos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff e dos ex-ministros Guido Mantega e Antonio Palocci nos pedidos de investigação. Como eles não têm foro no STF, a expectativa é que seus casos sejam remetidos a instâncias inferiores.

Após o fim da investigação, caberá à Procuradoria denunciar ou não os envolvidos. No caso de denúncia, o STF tem de avaliar se aceita transformar o político em réu em um processo no tribunal. Os pedidos mencionam, dependendo do inquérito, os crimes de corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica, entre outros.

 

@lingua

Vereador aponta falta de transparência em processo seletivo da Prefeitura de Petrolina

Resultado de imagem para paulo valgueiro]O vereador Paulo Valgueiro (PMDB),   entrará  com uma denúncia no Ministério Público para investigar possíveis irregularidades na contratação de funcionários através de processo seletivo unificado.

Segundo o vereador, que  é líder da oposição  na Câmara, o processo contém falhas que podem prejudicar os inscritos.De acordo com o parlamenta, a seleção estaria viciada e totalmente direcionada.

“Além de não estar tendo transparência na contratação, sou a favor de concurso público. A contratação por processo seletivo está sendo nada mais do que o ‘cabide de emprego’ dos apadrinhados políticos.Existem irregularidades e “apesar de parecer legalmente correto, este processo seletivo fere alguns princípios que regem a administração pública, imparcialidade, moralidade e publicidade e por essa razão deve ser anulado” ,finalizou Paulo Valgueiro.

Na denúncia  que será protocolada no Ministério Público, o vereador diz que muitas pessoas não conseguiram realizar a inscrição através do site, pois o sistema culminava em erro devido ao grande número de acessos e o prazo ser muito curto.

Por Cauby Fernandes

Ex -secretária de cidadania em Petrolina esclarece sobre Restaurante Popular

Resultado de imagem para Adinair viana Nesta semana, muito se tem falado sobre o Restaurante Popular de Petrolina, inclusive acerca da existência de irregularidades no procedimento de reforma e ampliação do Restaurante, atribuindo-se à gestão anterior, segundo a ex gestora da pasta de cidadania, Adinair Viana , as informações são inverídicas.

A ex-gestora confirma que equipamentos tinham sido comprados e foram vistoriados e aprovados pela Caixa Econômica Federal. Segundo Adinair Viana o recurso existente é somente para modernização dos equipamentos e não para reforma como foi dito pelo Prefeito Miguel Coelho. Confiram:

 

NOTA

Na qualidade de Ex-Gestora da Secretaria responsável pelo Restaurante Popular de Petrolina, venho esclarecer que não existiu liberação de recursos para reforma do Restaurante Popular, e sim para a modernização dos equipamentos e utensílios, adquiridos através de licitação conforme reza a lei.

É importante salientar que alguns produtos estão disponíveis somente em grandes centros, dessa forma, gerando morosidade ao sistema de compra. Diferente do que foi divulgado, foram comprados vários equipamentos, a exemplo de caldeiras industriais, máquinas de lavar, assadeiras e outros que se encontram na unidade. Salientando-se que todos os produtos adquiridos foram vistoriados e aprovados pela Caixa Econômica Federal para posterior liberação dos recursos para pagamento ao fornecedor.

Necessário dizer, também, que o valor aprovado pela Caixa Econômica Federal para a modernização do Restaurante Popular foi de R$ 279.000,00, conforme consta na placa oficial informativa, e não de R$ 300.000,00 como foi veiculado na mídia. E do montante liberado, importa registrar que foi utilizado o valor aproximado de R$ 170.000,00. Portanto, o restante do valor se encontra na Caixa Econômica Federal aguardando a liberação para a continuidade do processo de modernização do Restaurante Popular pelo atual gestor.

Petrolina-PE, 15 de março de 2017. Maria Adinair Diniz Viana Barbosa Ex-Secretária Municipal de Cidadania

 

@lingua

ProRural atende comunidades rurais de Afogados com projeto de abastecimento

Projeto do ProRural irá beneficiar 93 famílias dos sítios Caiçara e Serrinha, localizados no município de Afogados da Ingazeira, Sertão do Pajeú.

Um Poço, o sistema de abastecimento de água e um chafariz serão instalados nas comunidades, a um custo de R$160.781,26, financiados pelo Banco Mundial, através da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (SARA), por meio do Programa.

Numa região de estiagem prolongada, que já provocou inclusive o colapso do maior reservatório da região, a Barragem de Brotas, a construção do sistema de abastecimento vai contribuir para minimizar os problemas provocados pelo longo período de seca no Estado, sanar deficiências hídricas dos sítios e obter ganhos produtivos para a Associação Pequenos Produtores de Caiçara.

O projeto, já aprovado no ProRural, entrou em processo de licitação na última semana. Em reunião realizada na Associação de Caiçara, os técnicos da Unidade de Gestão Territorial do ProRural em Afogados da Ingazeira apresentaram as propostas para os produtores familiares beneficiados pelo projeto. Agora, o processo seguirá para as análises técnicas e jurídicas, e para execução.

@lingua

Brasileiros entram em campo nesta quarta pela Libertadores

Atlético-PR, Flamengo e Palmeiras entram em campo nesta quarta-feira (15) pela segunda rodada da Conmebol Libertadores Bridgestone 2017.

Às 19h30, o time paranaense enfrenta o San Lorenzo-ARG em uma ‘final antecipada’ no Grupo 4. Depois de tropeçarem na rodada inicial, os dois clubes lutam pela recuperação na chave. O jogo acontecerá no estádio Nuevo Gasometro, em Buenos Aires, na Argentina.

Na 1ª rodada, o San Lorenzo acabou sendo derrotado por 4 a 0 pelo Flamengo no Maracanã. Com o resultado, o time argentina é o lanterna da chave, com nenhum ponto.

Já o Atlético-PR fazia uma grande partida contra o Universidad Católica-CHI e vencia por 2 a 0. Porém, faltando poucos minutos para o apito final, o time paranaense apagou e levou o empate. O Furacão é o terceiro colocado do Grupo 4, com um ponto.

O técnico Paulo Autuori não descarta a presença do atacante Grafitte na equipe titular.

“Não há certeza se vamos iniciar com o Grafite. Ele está parado há um tempo. Não só pela suspensão (contra a Universidad Católica), mas tratou também uma lesão. É um jogador interessante. Se tiver bem no jogo e eu tirá-lo, a equipe vai perder. Então, a lógica me diz que eu preciso aproveitá-lo o tempo que for possível no seu melhor”, explicou o treinador ao site do Atlético-PR.

Palmeiras

Com a arena do Verdão lotada, o Palmeiras entra em campo às 21h45 pela segunda rodada da Libertadores. O técnico Eduardo Baptista relacionou 18 jogadores do Palmeiras para a partida contra o Jorge Wilstermann.

O zagueiro Edu Dracena e o lateral Zé Roberto voltam à ficar a disposição do técnico Eduardo Baptista. Felipe Melo, que estava suspenso, é outro que também deve ser titular nesta quarta-feira.

Veja os jogadores relacionados:

Goleiros: Fernando Prass e Jailson

Laterais: Egídio, Jean e Zé Roberto

Zagueiros: Antônio Carlos, Edu Dracena e Mina

Meio-campistas: Felipe Melo, Guerra, Michel Bastos, Thiago Santos e Tchê Tchê

Atacantes: Borja, Dudu, Keno, Róger Guedes e Willian

Flamengo

Também nesta quarta-feira (15), o Flamengo enfrenta o seu segundo desafia na Conmebol Libertadores Bridgestone contra o Universidad Católica, no estádio San Carlos de Apoquindo, no Chile.

Após uma vitória arrasadora, por 4 a0, na estreia contra o San Lorenzo, o Rubro-Negro quer seguir 100% na competição.

O elenco rubro-negro desembarcou no Chile na noite desta segunda-feira (13) e seguiu os treinamentos na capital Santiago.

Veja o elenco escalado para o jogo:

Flamengo: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Trauco; Romulo, Willian Arão e Diego; Berrío (Gabriel); Everton e Guerrero

Universidad Católica: Toselli Espinoza, Kuscevic, Lanaro, Parot, Fuentes, Kalinski Fuenzalida, Buonanotte, Noir e Santiago Silva.

@lingua