Arquivo - Fevereiro 2017

1
Cristina Costa …De olho no futuro
2
Lula é contra demissão de médica que vazou dados de Marisa Letícia
3
Governo do Espírito Santo inicia processo de demissão de 161 PMs
4
Caixa Economica anuncia o calendário de saque das contas inativas do FGTS
5
Temer diz que afastará ministros denunciados
6
Justiça do Paquistão proíbe comemorações do Dia dos Namorados
7
Adele é a grande vencedora na noite do Grammy
8
Jungmann diz que ordem e segurança foram restauradas no Espírito Santo
9
CANTOR AL JARREAU MORRE AOS 76 ANOS
10
Mães de filhos com microcefalia reclamam de falta de apoio de PE
11
Fernando Bezerra teria usado empresa de fachada para lavar propina
12
Após apelo do governo, parte dos PMs volta às ruas no Espírito Santo
13
Michel Temer em 2016 levou 519,5 mil famílias de volta ao Bolsa Família
14
Salário de policiais militares de PE é o 9º menor das PMs do país
15
Prefeitura de Petrolina anuncia R$ 1,5 milhão para pequenos produtores rurais
16
Facape contrata novos professores através de processo seletivo

Cristina Costa …De olho no futuro

 

 

Resultado de imagem para cristina costa vereadora petrolinaCristina Costa, vereadora de Petrolina, está cada vez mais deixando transparecer que seus planos políticos,   passam pela campanha de disputar uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALEPE), e logo depois encarar, quem sabe,  uma campanha forte para ser a primeira mulher a assumir a prefeitura  de Petrolina , com uma chapa vencedora, tendo uma sindicalista  como cabeça de legenda.

A vereadora ,  anda fazendo o papel que deveria ser dos  vereadores que defendem de verdade o povo. Ela vem puxando para si o mérito de combater o novo modelo de creches do  Nova Semente nas mãos de Miguel Coelho.  No entanto, mesmo em meio a esse embate que é legitimo, a vereadora já pensa em vôos mais altos.

O plano de Cristina Costa  certamente é  no futuro , assumir a maternidade do NOVA SEMENTE, como elemento forte da próxima campanha eleitoral para a prefeitura, quando ela se sentirá no direito de dizer que lutou como ninguém para a manutenção da caracterização do programa, tirando o mérito da real paternidade , que é de Julio Lossio, criador do Programa Nova Semente.

Os  vereadores de oposição,  estão meio  que anestesiados, e não tomam a frente da luta  contra Miguel  Coelho e suas malfeitorias, que até o  presente momento só tem atingido os bolsões de pobreza em Petrolina.
Já estamos sentindo falta de vereadores como Chico freire, Quirino  e tantos outros que bradaram fortemente contra os prefeitos déspotas que tentaram fazer o que bem entendiam nas suas maneiras de executar o serviço na cidade.

Por Cauby Fernandes

foto : Jean Brito.

Lula é contra demissão de médica que vazou dados de Marisa Letícia

© Ricardo Stuckert

 

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva foi contra a demissão da reumatologista que compartilhou, em um grupo de WhatsApp, informações sigilosas sobre o diagnóstico de Marisa Letícia. A médica Gabriela Munhoz, de 31 anos, foi desligada da função que exercia no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, como punição.

Conforme pessoas próximas a Lula informaram à colunista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, a médica deveria ter sido submetida a um curso de ética profissional, sem sair do emprego – apesar de o Código de Ética Médica defender que profissionais de saúde não podem compartilhar prontuários de pacientes com terceiros.

O Sírio-Libanês confirmou a demissão de Gabriela Munhoz ao G1, na noite de quarta-feira (1), mas não indicou quando a medida foi relizada. O CREMESP (Conselho Regional de Medicina de São Paulo) abriu sindicância para para investigar a conduta de todos os médicos envolvido no caso. “Aquilo o que está no prontuário médico, é do paciente. Inclusive o prontuário. Está sob a guarda do médico”, afirmou Mauro Aranha, presidente do órgão, ao programa global Fantástico.

A ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva morreu no último dia 3, aos 66 anos, após ficar dez dias internada no Sírio- Libanês devido a um acidente vascular cerebral hemorrágico (AVC).

Entenda o caso

Os dados sigilosos sobre o diagnóstico da ex-primeira dama foram compartilhados Gabriela Munhoz por em um grupo intitulado “MED IX”, composto por pessoas que se formaram em Medicina na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, no ano de 2009. Em seguida, as informações passaram a circular em outros grupos e viralizaram. O boletim divulgado no dia da internação apontava a hemorragia cerebral, mas não revelara o quão grave era a situação de Dona Marisa.

No episódio, o primeiro a citar o diagnóstico da ex-primeira dama foi o médico Pedro Paulo de Souza Filho, que não atua no Hospital Sírio-Libanês. Gabriela Munhoz confirmou a informação. Em seguida, imagens de uma tomografia atribuída a dona Marisa Letícia foram compartilhadas em outro grupo de médicos no aplicativo, chamado “PS Engenho 3”.

@lingua

 

 

Governo do Espírito Santo inicia processo de demissão de 161 PMs

Comando da PM no Espírito Santo convocou policiais em férias e de folga para se apresentarem

A Polícia Militar do Espírito Santo informou que fará a publicação nesta terça-feira (14), no Diário Oficial do estado, da instauração dos primeiros inquéritos policiais militares (IPMs) e de procedimentos demissionários dos envolvidos no aquartelamento dos agentes. A paralisação dos policiais começou há dez dias.

“Serão publicados procedimento administrativo disciplinar rito ordinário [para quem tem menos de dez anos de PM] ou Conselho de Disciplina [para quem tem mais de dez anos de PM] de 161 policiais militares. Os procedimentos demissionários têm prazo inicial de 30 dias para serem concluídos”, de acordo com a nota da PM do Espírito Santo .

Segundo o governo, também serão publicados os IPMs de dois tenentes-coronéis, um major, e um capitão da reserva remunerada. Essas publicações são os primeiros inquéritos instaurados de 703 policiais investigados.

Na última sexta-feira (10), a Polícia Militar anunciou o indiciamento de 703 agentes pelo crime de revolta. Se condenados, a pena é de 8 a 20 anos de detenção em presídio militar e a expulsão da corporação. O secretário de Segurança Pública, André Garcia, informou que eles foram indiciados pelo crime militar de revolta por estarem armados e aquartelados nos batalhões.

 

Os protestos das mulheres dos policiais militares nos quartéis do Espírito Santo – que têm interrompido o patrulhamento, bloqueando a passagem de viaturas e agentes – chegou ao seu 10º dia nesta segunda-feira (13). A rotina dos capixabas, porém, está voltando ao normal.

 

O governo do Espírito Santo havia informado que o expediente nas repartições públicas estaduais seria normal nesta segunda. As aulas nas escolas da rede estadual também foram reiniciadas e os atendimentos de urgência e emergência nos hospitais estaduais seguem mantidos.

Fechados durante o período de falta de segurança pública no estado, os parques municipais também seriam reabertos na terça. Às segundas, eles passam por manutenção e não funcionam.

*Com informações da Agência Brasil

@lingua

Caixa Economica anuncia o calendário de saque das contas inativas do FGTS

O saque do dinheiro das contas inativas do FGTS vai começar em março para quem nasceu em janeiro e fevereiro. A informação é da Folha Online. O início dos saques deve ser autorizado a partir do dia 10 de março, uma sexta-feira. O calendário será oficialmente divulgado pelo governo nesta terça-feira (14), além de outros detalhes sobre como vai funcionara operação.

Quem nasceu entre março, abril e maio vai poder resgatar o dinheiro em abril. Já quem aniversaria em junho, julho ou agosto poderá fazer o saque em maio. Já em junho, o benefício poderá ser retirado pelos nascidos entre setembro e novembro. Em julho, por fim, será a vez dos aniversariantes de dezembro.

O governo anunciou no final do ano passado que ia permitir o saque do dinheiro das contas inativas do FGTS, como maneira de estimular a economia brasileira. As contas em questão são as de trabalhadores que pediram demissão até 31 de dezembro de 2015.

A expectativa é que R$ 41 bilhões sejam injetados na economia e que aproximadamente 10,1 milhões de pessoas tenham contas inativas.

Agências: Segundo a Folha, a Caixa trabalha para anunciar um plano que ajude as agências a receber o maior número de pessoas nos próximos meses. Entre as medidas, a empresa analisa a possibilidade de algumas agências abrirem no sábado e também transferir automaticamente este dinheiro para quem tem conta no banco. Há possibilidade ainda de elevar o valor que pode ser sacado nas lotéricas, para diminuir a procura pelas agências da Caixa.

Para saber se você tem direito ao benefício, consulte o saldo no site da Caixa, no aplicativo FGTS, em caixas eletrônicos e em agências, com o seu número PIS.

Veja o calendário:

Em março

sacará o FGTS quem nasceu em janeiro e fevereiro

Em abril

nascidos em março, abril e maio

Em maio

nascidos em junho, julho e agosto

Em junho

nascidos em setembro, outubro e novembro

Em julho

nascidos em dezembro

@lingua

Temer diz que afastará ministros denunciados

 Presidente Michel Temer fez pronunciamento à imprensa na manhã desta segunda-feira (13)

O presidente Michel Temer disse em pronunciamento na manhã desta segunda-feira (13) em Brasília que os ministros que se tornarem réus na Operação Lava Jato serão afastados do cargo. O anúncio da nova política do governo, que inclui ainda o afastamento provisório de qualquer integrante do Planalto que for denunciado, surge como resposta às alegações de que opresidente estaria tentando ‘blindar’ o peemedebista Moreira Franco , citado dezenas de vezes em delações.

“Se houver denúncia, o que significa um conjunto de provas que eventualmente possam conduzir ao seu acolhimento, o ministro que estiver denunciado na Lava Jato será afastado provisoriamente. Depois, se acolhida a denúncia, e aí sim, o ministro se transformar em réu da Lava Jato, o afastamento é definitivo”, disse Temer no Palácio do Planalto.

“Se alguém se converter em réu estará afastado independentemente do julgamento final”, acrescentou. “Faço essa declaração para dizer que o governo não quer e não vai blindar ninguém. Apenas não pode aceitar que a simples menção inauguradora de um inquérito, para depois inaugurar uma denúncia, para depois inaugurar um processo, já seja de igual motivo a incriminá-lo em definitivo e em consequência afastar o eventual ministro.”

Temer informou ainda que a Casa Civil está finalizando um projeto de lei que vai regulamentar o direito à greve no caso de serviços considerados essenciais. Segundo o presidente, essa regulamentação nada tem a ver com o caso da paralisação de policiais no Espírito Santo , uma vez que, nesse caso, já há uma lei proibindo greves de policiais.

 

A nomeação de Moreira Franco como ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República foi oficializada pelo presidente Michel Temer no último dia 3. A posse gerou uma batalha na Justiça e uma sequência de medidas liminares contra e a favor da indicação: até o momento, o saldo da guerra de liminares sobre esse tema contabiliza três decisões favoráveis e uma contrária a Moreira Franco.

A guerra por meio de liminares só deve terminar após decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello, que é relator de dois mandados de segurança nos quais a Rede Sustentabilidade e o PSOL questionam a nomeação de Moreira Franco pelo presidente Temer. A decisão do magistrado deve ser anunciada ainda nesta semana.

*Com informações da Agência Brasil

@lingua

Justiça do Paquistão proíbe comemorações do Dia dos Namorados

Tribunal do Paquistão considera que o Dia dos Namorados representa tradições
Reprodução

Um tribunal do Paquistão proibiu nesta segunda-feira (13) que sejam feitas comemorações públicas do Dia dos Namorados na capital do país, Islamabad. Trata-se de mais uma tentativa de impedir festas que a sociedade tradicional muçulmana considera como vulgares e ocidentalizadas. As informações foram divulgadas pela Agência France-Presse (AFP).

Após o recebimento de uma petição, o Supremo Tribunal de Islamabad sentenciou que o amor nessa data é usado pela sociedade ocidental como um “pretexto para disseminar a imoralidade, nudez e indecência”, que, características que, segundo a Corte local, ferem as “ricas tradições e valores” do Paquistão . Celebrado por diversos países ocidentais ao redor do mundo em 14 de fevereiro, o Valentine’s Day (Dia de São Valentim), equivale ao Dia dos Namorados, que no Brasil acontece em 12 de junho.

A decisão do Supremo foi comemorada pelos partidos islâmicos. Na medida, pede-se também aos meios eletrônicos e à imprensa que deixem de promover o Dia dos Namorados . Entretanto, mesmo com a proibição, alguns restaurantes de Islamabad continuam enviando mensagens e promovendo a data comemorativa.

 

No ano passado, o presidente paquistanês, Mamnoon Hussain, pediu à nação para que não celebrasse o Dia dos Namorados, ao afirmar que a data não pertencia à cultura muçulmana. Outros líderes de nações de maioria muçulmana já qualificaram essa comemoração como “vulgar e indecente”.

Em março do ano passado, um atentado reivindicado por um grupo talibã deixou pelo menos 65 mortos e 300 feridos na cidade paquistanesa de Lahore. Os alvos faziam parte da minoria cristã no país e celebravam o fim de semana da Páscoa. Após o ataque, um porta-voz da facção terrorista enviou mensagem ao governo local confirmando que a intenção era exterminar os cristãos.

 

A maior parte das vítimas eram mulheres e crianças, já que o atentado foi cometido por um homem-bomba em uma área dentro de um parque que era reservada à recreação. Na ocasião, os demais parques da cidade, que é a segunda maior do Paquistão, foram fechados para evitar que novos ataques fossem feitos.
* Com informações da Agência Brasil

@lingua

Adele é a grande vencedora na noite do Grammy

 

A cantora britânica Adele foi a grande vencedora da 59ª edição do Grammy, que aconteceu na noite de domingo, no Staples Center, em Los Angeles. Ela levou conco prêmios: os de álbum do ano, melhor álbum pop (por “25”), canção do ano, gravação do ano e melhor perfomance pop (pela canção “Hello”).

 

Adele, que ainda prestou uma emocionada homenagem a George Michael ao cantar “Fastlove”, bateu a favorita Beyoncé, indicada a nove prêmios, mas que só levou dois: os de melhor vídeo (por “Formation”) e melhor álbum urbano contemporâneo (“Lemonade”).]

 

David Bowie, falecido em janeiro do ano passado, também foi um dos grandes vencedores da noite, com cinco prêmios: melhor álbum de música alternativa, melhor performance de rock, melhor engenharia de som não-clássica e melhor embalagem (todos pelo álbum “Blackstar”, lançado poucos dias antes de siua morte) e melhor canção de rock (“Blackstar”).

Informações de O globo

@lingua

Jungmann diz que ordem e segurança foram restauradas no Espírito Santo

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse neste domingo (12) que, na avaliação do governo federal, a ordem e a segurança pública foram resgatadas no Espírito Santo. Segundo ele, as informações do governo do estado são de que a greve da Polícia Militar está “em declínio”. Ainda assim, o efetivo de 3,1 mil homens das Forças Armadas permanecerá no Espírito Santo “todo o tempo que seja necessário para que se garantam vidas”, de acordo com o ministro.

“A grande Vitória está levando uma vida bem mais tranquila. Amanhã as escolas estarão funcionando. O comércio abre, como já abriu no sábado, e o sistema de transporte coletivo deverá operar normalmente. A determinação do presidente da República, de recuperar a ordem, está sendo atendida”, disse Jungmann, após reunião com Michel Temer neste domingo no Palácio do Jaburu.

Também participaram no encontro os ministros da secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, da secretaria-geral da Presidência, Moreira Franco, do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, Sérgio Etchegoyen e o ministro interino da Justiça, José Levi do Amaral. Segundo Jungmann, foi uma reunião de trabalho na qual, entre outros assuntos, os ministros fizeram um balanço sobre a atuação das Forças Armadas no Espírito Santo.

O ministro da Defesa negou que o governo federal tenha demorado a agir diante do caos causado no estado pela greve da PM. O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo informou que foram registrados 142 homicídios no Espírito Santo do dia 4 de fevereiro até as 10h de hoje.

Jungmann frisou que cinco horas depois do governador [em exercício] do Espírito Santo, César Colnago, ter feito um pedido escrito pedindo ajuda federal as Forças Armadas já se encontravam nas ruas do estado na última segunda-feira (6),. “Desde então, não tivemos mais arrastões, sequestros, desordens ou o que seja. Se algo houve, foi anterior à entrada em cena das Forças Armadas”, afirmou.

Investigação

O ministro disse também que o governo do estado criará um grupo especial de investigação para encontrar os responsáveis pelos homicídios recentes, bem como averiguar a suspeita de que teriam sido cometidos assassinatos por grupos de extermínio com a participação de policiais militares.

Jungmann admitiu que familiares de PMs ainda permanecem nos quartéis porque têm o apoio dos grevistas remanescentes. “As mulheres dos PMs continuam lá porque contam em alguma medida, ou muita medida, com o apoio daqueles que se encontram aquartelados. No nosso modo de entender, isso não condiz com aqueles que usam fardas. Isso tem que parar”, afirmou.

Segundo o ministro, o governo estadual repassou a informação de que cerca de mil policiais já teriam voltado ao trabalho. Além disso, as esposas dos policiais militares estariam recorrendo ao Ministério Público e até a lideranças evangélicas para mediar o diálogo com o governo local. Para  Jungmann, um eventual acordo “é o que todos nós esperamos que venha a acontecer”.

Segundo ele, a atuação do governo federal no Espírito Santo será “a regra” para situações semelhantes que porventura ocorram em outras localidades. O ministro destacou, contudo, que até o momento não foi detectado um “efeito contágio” da situação em outros estados.

“Estamos, a pedido do presidente da República, acompanhando a situação no Rio de Janeiro, onde 97% do policiamento encontra-se nas ruas. Há um protesto, mas que não tem afetado de forma alguma o funcionamento policial no estado. Tudo segue normal nas outras unidades da federação”, disse. De acordo com o ministro, o governo está preparado para qualquer eventualidade.

@lingua

CANTOR AL JARREAU MORRE AOS 76 ANOS

 cantor de jazz e R&B Al Jarreau morreu aos 76 anos na manhã neste domingo (12) em Los Angeles, nos Estados Unidos, onde estava internado em um hospital . A informação foi confirmada no site oficial do artista, sete vezes ganhador do Grammy, e no perfil oficial do Twitter.
Al Jarreau faleceu nesta manhã. Ele estava no hospital, confortado por sua mulher, filho e alguns familiares e amigos. De acordo com o comunicado, Jarreau não desejava que os fãs enviassem flores ou presentes para o funeral, mas doações para a Wisconsin Foundation of School Music.
Na última quarta-feira (8), a equipe do cantor já havia informado que ele estava se aposentando dos palcos devido à exaustão, por recomendação da equipe médica, e não faria os shows restantes de sua turnê. Antes de cancelar os shows, ele tinha apresentação marcada para março no Brasil.
Ele participaria do Música em Trancoso, ao lado de Larry Baird, o tecladista Larry Williams, o baterista Mark Simmons, o baixista Chris Walker e o arranjador Gil Goldenstein. Entre os sucessos de sua carreira destacam-se as canções “Mornin’,” “After All, “We’re In This Love Together”.
@lingua

Mães de filhos com microcefalia reclamam de falta de apoio de PE

Sem acesso a medicamentos, exames especializados e tecnologias necessárias para o desenvolvimento de seus filhos, famílias cujos bebês nasceram com a Síndrome Congênita do Zika em Pernambuco observam as crianças desenvolverem novas complicações de saúde à medida que vão crescendo. A resposta do poder público, segundo as mães, não chegam na mesma velocidade.

As famílias estiveram em uma audiência pública feita nesta sexta-feira (10) pelo Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco para discutir políticas públicas relacionadas à epidemia do Zika Vírus e a Síndrome Congênita do Zika. O evento é um desdobramento de um procedimento administrativo instaurado pelo MPF para apurar o aumento dos casos de microcefalia no país, especialmente em Pernambuco. Em entrevistas à Agência Brasil, elas relatam novos sintomas e reclamam da falta de apoio do Estado.

Um problema de saúde observado com cada vez mais frequência é a dificuldade dos bebês de engolirem alimentos – a capacidade de deglutição. Várias relatam que, embora tenham amamentado normalmente ou com alguma dificuldade, seus filhos regrediram e não conseguem mais levar o leite até o estômago. Para nutrir as crianças é preciso instalar uma sonda por meio do nariz ou, em alguns casos, fazer uma gastrostomia para que elas recebam nutrientes com a ajuda de um sistema instalado na barriga.

Luhandra Vitória Batista da Silva, de um ano e três meses, foi diagnosticada com Disfagia grave e precisou da gastrostomia. A operação foi feita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas os custos relacionados são altos, e a mãe Jusikelly Severino da Silva, 33 anos, afirma que não consegue os insumos necessários na rede pública. Na mochila do bebê ela carregava uma pasta com exames e documentos que atestavam a busca, por meses, dos recipientes e o leite especial para alimentação da menina.

Entre os papéis está uma declaração, de nove de fevereiro, de que a farmácia do Centro de Saúde Bidu Krause solicitou, no dia 17 de novembro do ano passado, o fornecimento do leite tipo “Fortinni”, mas não houve retorno. O documento também atesta a falta de frasco e equipo para a alimentação, via sonda localizada na barriga. A assinatura é da gerente adminstrativa Maria Marilúcia do Nascimento.

Jusikelly faz os cálculos dos gastos com estes elementos a pedido da reportagem. “Uma lata de leite é R$ 48,50, mas são 19 que ela toma por mês. O equipo é R$ 1,90, e ela usa 30 por mês. E o frasco de alimentação é R$ 1, e são 210 no período”, enumera. A moradora do bairro de Teijipió, divisa entre Jaboatão dos Guararapes e Recife, também informa que um equipamento chamado botton, necessário em um futuro próximo para que Luahndra continue a se alimentar, custa R$ 2 mil e não é fornecido pelo SUS.

Outras mães sequer conseguem saber se as filhas precisam fazer a operação. Gleyse Kelly Cavalcante, 28 anos, é vice-presidente da União de Mães de Anjos (Uma), uma organização criada pelas próprias mulheres a partir da troca de informações em redes sociais. Hoje são mais de 400 famílias atendidas, segundo a jovem, com assistência jurídica e na busca por doações de fraldas e leite como o prescrito para a filha de Jusikelly.

Sua filha Maria Giovanna Santos, um ano e três meses, aguarda desde junho de 2016 que uma vídeo-endoscopia da deglutição (VED) seja marcada, sem sucesso. A demora nos exames especializados, segundo Gleyse, é comum. “Em novembro de 2015 ela fez uma tomografia. O resultado só saiu em março de 2016, quando já era para fazer outra, porque esses bebês precisam ser acompanhados para saber como o cérebro vem se desenvolvendo”, explica.

Medicamentos em falta

Outro problema comum entre as mães é a falta de medicamentos em farmácias públicas. A mãe de Luhandra contabiliza os remédios e seus custos na rede privada. “O Keppra, para convulsão, é R$ 90; o Losec, de refluxo, R$ 159; o Sabril, de convulsão, R$ 295, e o Domperidona é R$ 20. Eu compro todos eles”, diz. Para isso, Jusikelly conta com o Benefício de Prestação Continuada (BPC), um programa federal que fornece um salário-mínimo concedido à filha, além de R$ 159 do Bolsa Família. Ela e o marido estão desempregados e pagam aluguel.

O Kreppa é um medicamento que, segundo Gleyse, está entre as necessidades principais destas famílias. Muitos bebês apresentaram convulsões difíceis de serem tratadas com medicação regular destinada a pacientes nos primeiros anos de vida. O problema é que, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a substância só é fornecida para pessoas acima de 16 anos, o que impede o fornecimento gratuito para estas crianças afetadas pela Síndrome Congênita do Zika.

De acordo com a secretária-executiva de Atenção à Saúde da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, Cristina Mota, “os medicamentos, principalmente no caso do Keppra, a dificuldade maior é que ele não era incorporado pelo Conitec [Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS]. Foi feita a consulta ao Conitec e num primeiro momento houve uma negativa da incorporação, no ano passado. No último trimestre a gente reiterou a consulta, baseado nos pareces dos neuropediatras locais, que já tinham experiência clínica inclusive com o uso”, afirma. Diante da falta de resposta, segundo Cristina, o Estado decidiu adquirir o medicamento por conta própria, e espera que ao final do primeiro trimeste ele já esteva disponível.

Em nota, o Ministério da Saúde confirmou que recebeu a demanda da Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco sobre o medicamento Keppra, e que o pedido foi encaminhado para avaliação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec). “Cabe informar que o órgão entrou em contato com a Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco para esclarecer alguns questionamentos e, até o momento, aguarda retorno”, diz o texto.

Em relação aos exames especializados, a gestora da Secretaria de Saúde de Pernambuco afirmou que as complicações derivadas do Zika Vírus eram desconhecidas pela comunidade científica, o que dificultaria a organização da rede de atendimento de forma prévia. “Esta necessidade gastroenterológica não é só do exame que há necessidade, mas do acompanhamento multiprofissional. Este exame é bastante especializado, a gente não dispõe na rede assistencial sob gestão direta do estado, e esta demanda surgiu com o desenvolvimento das crianças”. O governo estadual deverá contratar dois serviços de gastroenterologia pediátrica na rede conveniada ao SUS, uma na capital e outra no interior, segundo Cristina.

O botton também deve ser incluído no procedimento contratado, embora o SUS não inclua o equipamento na tabela nacional de custeio, de acordo com a secretária-executiva. “O SUS cobre o procedimento, mas o botton não está previsto”, diz. Ela defende que o Ministério da Saúde busque incorporar novas tecnologias à medida que as necessidades destes bebês apareçam. “São demandas novas que vem surgindo, precisa correr para conseguir atender e evitar sequelas. A gente vai ter que se adpatar, e precisa ser nacional. Problemas como este devem ter nos demais estados da Federação. E o usuário do SUS é um só”.

A respeito do botton para gastrostomia, o Ministério da Saúde não respondeu à informação do Estado de Pernambuco. A Agência Brasil atualizará a reportagem quando receber o posicionamento. O órgão repassou dados, na nota, sobre a rede de reabilitação para assistência às pessoas com deficiência. São 1.541 serviços, sendo 183 Centros Especializados em Reabilitação (CER), que trabalham com a estimulação precoce e a reabilitação dos bebês. A rede recebe anualmente R$ 1,5 bilhão do Ministério da Saúde, “sendo R$ 688,5 milhões como incentivo para o funcionamento dos CER”. Com informações da Agência Brasil.

@lingua

Fernando Bezerra teria usado empresa de fachada para lavar propina

Após apelo do governo, parte dos PMs volta às ruas no Espírito Santo

Horas após o apelo de ministros para que a Polícia Militar voltasse ao trabalho e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ter declarado que o crime de motim poderá ser federalizado, parte dos PMs começou a patrulhar, na tarde de ontem, o Espírito Santo. A maior parte dos policiais continuava aquartelada, mas, de acordo com Polícia Militar, 600 PMs voltaram às ruas, na Região Metropolitana de Vitória, após um chamado operacional realizado às 16 horas de ontem.

Por volta das 18 horas, pelo menos 50 PMs à paisana se reuniram na Praça Oito, no centro de Vitória. Suas fardas estavam nos batalhões, que continuavam cercados por mulheres de policiais, e eles aguardavam as ordens do comando. Os homens que tinham uniforme em casa saíram direto para as ruas.

Ontem, quatro ministros – Raul Jungmann (Defesa), Sérgio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional), Antonio Imbassahy (Governo) e o interino José Levi Mello do Amaral Júnior (Justiça) – desembarcaram em Vitória para uma série de reuniões na tentativa de colocar fim ao motim da PM, que completou oito dias.

Desde o sábado passado, quando as mulheres dos policiais bloquearam os batalhões, impedindo os agentes de entrar e sair, 137 pessoas foram mortas no Espírito Santo, a população ficou aprisionada em casa, as ruas esvaziaram, ônibus deixaram de rodar e lojas foram saqueadas. Um acordo chegou a ser anunciado na noite de anteontem pelo governo estadual, mas na manhã de ontem nada havia mudado.

No início da tarde, o ministro da Secretaria de Governo afirmou não haver “a menor possibilidade” de qualquer movimentação política em favor da anistia dos PMs ser aprovada no Congresso Nacional. “Existem movimentações iludindo pessoas, como se fosse acontecer uma greve e não haver nenhum tipo de penalização. É muito importante deixar esclarecido: nós temos de manter a ordem e cumprir a lei”, afirmou Imbassahy. Anteontem, o governo capixaba já havia anunciado a abertura de indiciamento de 703 policiais e informado que o número seria ainda maior.

Mais tarde, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que também estava em Vitória, divulgou nota em que dizia estudar a federalização do crime de motim em razão do “grave comprometimento da ordem pública”. Com isso, os casos passariam a ser julgados pelo tribunal militar da União, com “tramitação mais rápida e penas que costumam ser mais severas”, segundo o ministro do Gabinete de Segurança Institucional.

Em alerta. O ministro da Defesa garantiu que o governo federal está monitorando a movimentação em todos os Estados brasileiros, com especial atenção para o Rio de Janeiro.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Foto de © Tânia Rêgo/Agência Brasil

@lingua

 

Michel Temer em 2016 levou 519,5 mil famílias de volta ao Bolsa Família

Salário de policiais militares de PE é o 9º menor das PMs do país

Salário de policiais militares de PE é o 9º menor das PMs do país Publicado em Notícias por Nill Júnior em 11 de fevereiro de 2017  O salário de um policial militar no início de carreira pode variar de R$ 2.646 a R$ 6.500 no Brasil. É o que mostra um levantamento feito por jornalistas do G1 em todos os estados e no DF.

Os dados, fornecidos pelos governos, levam em conta o salário-base da categoria mais as gratificações incorporadas a ele, ou seja, comuns a todos os soldados do estado. As vantagens variáveis, que podem ou não ser concedidas, não entram na conta.

O Espírito Santo, que vive uma crise na segurança pública em razão da ausência de PMs nas ruas, possui o pior salário de um soldado do Brasil. Mulheres de policiais fazem bloqueios nas portas de batalhões desde o dia 3 reclamando justamente dos baixos salários e das condições de trabalho.  O cabo Wilson Morais, presidente do Conselho Deliberativo da Associação Nacional de Policiais Militares e Bombeiros Militares do Brasil, diz que a crise se dá por um estado de necessidade da família do policial. “Nós, policiais, somos proibidos [de fazer greve], mas o estado de necessidade, a fome e a barriga dos familiares fala mais alto. Já que não podemos, nossos familiares podem.”

O salário de um soldado em início de carreira no Espírito Santo é de R$ 2.646,12. O governo diz, no entanto, que há uma remuneração extra paga a todos os soldados e que o salário-base, na prática, é de R$ 3.052,06. Segundo o estado, apesar de não estar incorporado ao salário, o valor da escala extra é pago a todos os policiais porque todos fazem hora extra. A associação de cabos e soldados do estado nega que todos façam hora extra.  “A grande maioria realmente faz essas escalas de 18 horas para poder ganhar mais. Mas não são todos. Se o estado diz que paga para todo mundo, por que quando as mulheres pediram que esse valor fosse incorporado ao salário o governo negou?”, questiona Thiago Bicalho, diretor da associação.

Em entrevista à Miriam Leitão, o governador Paulo Hartung disse que o salário de PMs é o “10º na escala de salários”. “Tem a ver com nosso tamanho, tem a ver com a nossa economia. E é um salário que está sendo pago em dia”, disse. Segundo o governo, uma tabela baseada em dados da Pnad de 2015 mostra que o piso capixaba é o 10º maior entre os 26 estados e o Distrito Federal.  Além dos dados fornecidos pelos governos, a equipe de reportagem também solicitou os valores para as associações de cabos e soldados.

Em quase todos os estados, os valores passados foram exatamente os mesmos.  O Distrito Federal é o que paga melhor. Além do soldo de R$ 706, todo policial militar, não importa a patente, recebe um adicional de posto ou graduação (de 50% a 80%), um adicional de certificação profissional (de 10% a 30%), um adicional por tempo de serviço (1% por ano), auxílio-moradia (de R$ 11,58 a R$ 143,91), entre outros. Isso faz com que o salário de um soldado 1ª classe seja de no mínimo R$ 6.500.  Para Wilson Morais, a discrepância salarial é “absurda”. “Defendemos um teto salarial igual para todos os policiais. O risco do policial em diferentes em estados é o mesmo. Não devia haver diferenças. A vida do policial, independente do estado, é que está em jogo.”  “O grito maior dos policiais hoje é em relação à questão salarial e às condições de trabalho. Um policial, às vezes, chega a trabalhar 24h por dia. Há um déficit de armas, coletes vencidos, armas obsoletas que estão dando problema. Hoje a polícia está sucateada. Enquanto os assaltantes usam fuzis, estamos usando .40, calibre 12”, afirma.

Levantamento  mostra que em alguns estados há uma defasagem de anos. Rio de Janeiro e Tocantins, por exemplo, deram os últimos aumentos em 2013. Estados como Amapá e Sergipe não concedem reajuste desde 2014.  Em alguns estados, além das gratificações fixas, há várias outras vantagens, que dependem de uma série de fatores. Em Roraima, por exemplo, o PM tem uma porcentagem de aumento sobre o subsídio quando é destacado para outros municípios (6% para cidades até 100 km da capital, 9% de 101 km até 200 km e 12% para mais de 200 km) e recebe, entre outras coisas, auxílio fu
neral.  No Ceará, as bonificações podem até dobrar a remuneração inicial. Há gratificação por meta de redução de violência, gratificação por apreensão de armas, além de horas extras e diárias.

@lingua

Prefeitura de Petrolina anuncia R$ 1,5 milhão para pequenos produtores rurais

A edição do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) 2017 foi lançada em Petrolina nesta sexta-feira (10). A iniciativa destina cerca de R$ 1,5 milhão para a Prefeitura comprar produtos diretamente de trabalhadores da agricultura familiar. O evento de lançamento do PAA teve a participação do prefeito Miguel Coelho, representantes de sindicatos e associações rurais.

O programa beneficiará em torno das 300 agricultores com a aquisição de produtos a preço de varejo sem a interferência de atravessadores para garantir maior margem de lucro aos pequenos produtores. Além da compra direta, a Prefeitura irá ajudar no transporte do material e no acompanhamento logístico do programa.

Para o prefeito Miguel Coelho, o PAA cumpre papel decisivo no suporte e equilíbrio financeiro dos produtores mais afetados pelos efeitos da seca. “A agricultura está enraizada em nossa história. E neste caso, o programa se torna ainda mais especial porque ajuda a agricultura familiar, que é responsável por 70% da comida que chega aos lares. Com seis anos de estiagem é preciso que a Prefeitura busque mecanismos para apoiar esse segmento tão importante”, defendeu o prefeito Miguel Coelho.

Todos os produtos adquiridos através do PAA serão doados a entidades socioassistenciais cadastradas na Secretaria de Desenvolvimento Social e com perfil voltado para pessoas em situação de vulnerabilidade. “Esse programa é muito importante para os agricultores mas também fortalece todas as nossas ações sociais no combate à fome”, ressaltou Kátia Carvalho, secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. 

Os produtores podem se inscrever no PAA na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social, localizada na Rua Santa Cecíli,a nº 35, Vila Mocó. Para participar, é necessário atender aos critérios do Governo Federal como estar no Pronaf. O atendimento na Secretaria ocorre de segunda à sexta, nos horários das 7h às 13h e 14h às 18h.

@lingua

Facape contrata novos professores através de processo seletivo

Os interessados em concorrer a uma das vagas, ofertadas pela Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (FACAPE),  para ministrar aulas em cursos de graduação da Instituição têm até  a próxima segunda-feira (13) para se inscrever no processo seletivo para contratação de professores substitutos.

As oportunidades são para profissionais com formação em Matemática e Direito e que possuam especialização nas suas áreas. Para se inscrever o candidato deve acessar o site da Facape, preencher e enviar a ficha de inscrição, imprimir e pagar o boleto bancário e após a homologação apresentar, entre os dias 13 e 14, o formulário “Descrição Simplificada de Documentos Comprobatórios”.

O processo seletivo será dividido em prova de conhecimento e desempenho didático e avaliação curricular de títulos. A realização da prova de Conhecimento e Desempenho Didático será no dia 17/02/2017, às 14h. O edital e link para inscrições estão disponíveis no endereço: O edital e link para inscrições estão disponíveis no link:http://sistemas.facape.br:8080/concurso/actConcurso.do?m=iniciarConcurso&id=107

Ascom FACAPE

@lingua