Arquivo - Setembro 2016

1
Você me odeia por que gosto de politica?
2
3
O político é corrupto, mas voto no filho dele! Não é a mesma coisa?
4
Bancários continuam em greve
5
Adalberto Cavalcanti entra na justiça contra TV Grande Rio
6
Até que enfim vão apurar nomes de Temer e Aécio
7
Fernando Bezerra…Um olho no padre e outro na missa
8
Faculdades temem “colapso” se FIES não for liberado pelo Congresso
9
1 em cada 3 brasileiros culpa a mulher por estupro ( Absurdo!)
10
Governo anuncia medida provisória para reformar ensino médio
11
Prefeito de Petrolina sofre perseguição
12
Brasileiro não sabe em quem acreditar!
13
A cachaça que embriaga o Senador pernambucano
14
Reflexão
15
Professora Célia Regina se apresenta como bom nome para Petrolina
16
Lago de Sobradinho agoniza e vai para o volume morto

Você me odeia por que gosto de politica?

maxresdefaultAs pessoas em sua grande maioria procuram serem politicamente corretos quando tratamos de assuntos palpitantes. Se falar de Gay, todos em grande maioria, procuram ser politicamente corretos e não externam de fato o que pensam. Se falarem o que pensam ,podem arrumar inimizades, serem criticados e por aí vai.

 

Do mesmo falar de aborto, de eutanásia ou de religião. Agora, se tem uma coisa que sempre beira o amor e ódio, esse negócio é a politica! Os politicamente corretos sempre dizem…” Eu não gosto de politica!”,isso pelo fato de que não gostar de politica, dá uma conotação de neutralidade. Mas, a grande verdade é que ser politicamente correto, beira a hipocrisia! Ora se gosto de politica por que não dizer? Se tenho argumentos pra falar do assunto , por que não falar?

Engana-se quem pensa que a política é ausência de conflitos e uma bela auréola de paz e harmonia. E para nos livrarmos mais desse preconceito, deixo literalmente uma passagem do Livro “A vida humana” do filósofo francês André Comte-Sponville.
“Engana-se quem vê na paz ausência de conflitos, o reino do consenso ou do interesse geral em tudo. Se assim fosse, não teríamos mais necessidade de política: a administração e a técnica bastariam. Estamos longe disso, felizmente(…). É para isso que servem nossas eleições, nossos parlamentos, nossos referendos. Democracia não é ausência de conflitos; é uma maneira de assumi-los e resolvê-los – sem os abolir – sem ser pela violência. Uma eleição vale mais que a guerra civil. Um parlamento, mais que um tirano. Ainda é preciso que haja vários partidos diferentes, que não se oponham apenas sobre insignificâncias(…). A política, diria eu, ao contrário de Clausewitz, é a guerra continuada por outros meios. Equivale a dizer que é um dos mais formidáveis progressos da história da humanidade e a única forma efetiva de paz. Por isso o apolitismo é um erro; o individualismo, um defeito. Ninguém luta sozinho, porque só se luta contra alguém, só se tem chances de ganhar, na escala da sociedade, junto com outros…(…)”.

Agora, portanto, Você me odeia por que gosto de politica?

Por Cauby Fernandes

878e217bca9315effe68f0457b6c8ba2

O político é corrupto, mas voto no filho dele! Não é a mesma coisa?

pai_filhoNão fique nem um tantinho escandalizado se você vir o seu candidato vendendo o mandato, ou barganhando benefícios com empresários que só pensam no lucro futuro. Em tempos de renovação da Lei eleitoral, e como agora é fiscalizado e restrito o gasto em ano de eleições, me admira o volume de certas campanhas para prefeito que mais parecem para governador.
Bancados por empresas, certos candidatos pensam que o povo em sua maioria é tapado quanto ao acontece no cotidiano politico. E o pior é que essas empresas não podem aparecer na prestação de contas do candidato por ser vedado a doação de recursos por pessoa jurídica. Os candidatos então, vão costurando as campanhas com seus jeitinhos maliciosos e conseguem burlar a Legislação.
O que me preocupa é que quanto menor o município, mais isso acontece a olhos nus! Cidades como Afrânio, Lagoa Grande ,Santa Maria da Boa Vista, Petrolina, Caruaru e Salgueiro (todas em Pernambuco), passam por esse drama de abuso. E nós, simples mortais ,continuamos a ver descaradamente, essa prática se tornando cada vez mais comum.
Ainda temos o agravante das compras de votos por caçambas de terra, blocos e telhas …pode? E mais ,os sacolões de dinheiro  e ainda as dentaduras, consultas, financiamentos de pastores (?), compras de cadeiras para igrejas, uma esculhambação com a Lei eleitoral. O cara bonitão, boa pinta entra na igreja, e entra um holofote em cima dele, como se ele fosse o Rei da cocada preta, só por que o pastor ganhou do candidato cadeiras e  um agradinho por fora.
“Na verdade o que vemos é que o povo reclama dos políticos corruptos e ainda assim continua votando neles ou nos filhos deles, o que não deixa de ser uma extensão da corrupção!” .
Não fique nem um tantinho escandalizado , se você vir o seu candidato vendendo o mandato, ou barganhando benefícios com empresários que só pensam no lucro futuro.
Por Cauby Fernandes

Bancários continuam em greve

download

Após a reunião entre a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), acontecida nesta terça-feira, ficou decidido que a greve dos bancários continua e nehum acordo ficou fechado .
A greve dos bancários que completa 22 dias nesta terça-feira (28), já se tornou a a mais longa já realizada pela categoria.

No Estado, no mínimo 90% das agencias estão fechadas. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PE) lançou no último dia 16, uma ação para que as agências funcionem duas horas por dia até o final da paralisação. O Sindicato dos Bancários de Pernambuco recusou a ação e disse que permaneceria com a greve da categoria no estado, com ou sem liminar.
Os grevistas em Pernambuco iniciaram a paralisação em 6 de setembro. O movimento reivindica a reposição da inflação, além de 5% de aumento no salário e melhorias nas condições de trabalho.

Adalberto Cavalcanti entra na justiça contra TV Grande Rio

io O  Deputado Federal e candidato a prefeito de Petrolina Adalberto Cavalcanti , decidiu entrar com representação contra a TV Grande Rio afiliada da Rede Globo de Televisão, junto à Procuradoria Geral Eleitoral e ao Ministério das Comunicações, acusando a emissora, comandada em Petrolina pela família Coelho, de agir de forma partidária, em favor da candidatura de Miguel Coelho,tirando do ar mais de 160 inserções de Adalberto Cavalcanti dando espaço à coligação do PSB.
Por conta do acontecido, todas coligações entrarão com pedidos na justiça de reparação e impugnação da candidatura que foi favorecida pelo grupo Grande Rio de Comunicação. Através de um vídeo postado que viralizou na internet ,o filho do prefeito de Petrolina Julio Lossio Filho afirma que não só Adalberto foi lesado, como também o PMDB e todas as coligações. Segundo Lossio Filho ,todas as coligações notaram a cobertura desproporcional, ilegal e até criminosa que a emissora vinha praticando nos últimos 30 dias.
Segundo Lossio Filho, o objetivo é somente de interferir no pleito do próximo domingo prejudicando não só o Partido de Adalberto Cavalcanti , como também dos outros partidos.
Lóssio ainda completou dizendo que por certo não haverá tempo suficiente de fazer a representação ser apreciada por essas instâncias antes do pleito, mas isso não impedirá a denunciação desse claro abuso de poder econômico com vistas influir no processo eleitoral.
A Lei Eleitoral recebe interpretação pela Justiça Eleitoral, ou seja, ela julga exatamente as nuances das propagandas, dos programas em veículos eletrônicos e até mesmo na imprensa escrita e na internet.
O uso de uma concessão pública de televisão com fins político-eleitorais também viola a Lei das Concessões, cujo guardião é o Ministério das Comunicações.
Detalhe: será pedido ao Minicom a cassação da concessão da afiliada da Rede Globo por cometer crime eleitoral.

Por Cauby Fernandes

Até que enfim vão apurar nomes de Temer e Aécio

downloadO ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou apuração dos fatos narrados na delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, um dos delatores da Operação Lava Jato, que cita o atual presidente da república, Michel Temer.
Machado diz em depoimento, ter conversado com Temer na Base Aérea de Brasília, em setembro de 2012. Na ocasião, segundo Machado, o então vice-presidente pediu recursos para a campanha de Gabriel Chalita, então candidato à Prefeitura de São Paulo.
De acordo com o portal G1, o objetivo também é finalmente apurar a existência de um suposto acordo envolvendo parlamentares para barrar a operação. Além disso, na colaboração, Machado admitiu ter repassado propina a 28 políticos, que hoje integram oito partidos: PMDB, PT, PP, PC DO B, DEM, PSDB, PDT e PSB.
Segundo a delação de Machado, só para o PMDB, que teria apadrinhado a nomeação de Machado para a presidência da Transpetro, ele teria arrecadado R$ 100 milhões, segundo depoimento prestado ao Ministério Público.
Nas conversas, os políticos falam com Machado sobre como viabilizar um acordo para paralisar a Lava Jato. Renan Calheiros sugere, em uma das conversas, alterar a lei de delação premiada, acordos de leniência e execução provisória da pena.
Em nota enviada nesta sexta, a defesa do senador Romero Jucá afirmou que “delações premiadas irresponsáveis acabam comprometendo pessoas que não tem nada a ver com as investigações”.
Sérgio Machado também relatou uma suposta articulação, ocorrida em 1998, para eleger uma bancada de, pelo menos, 50 deputados federais para viabilizar a candidatura do senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves (MG), para a presidência da Câmara no ano de 2000. À época, Aécio era deputado federal e tentava a reeleição.
De acordo com o ex-dirigente da Transpetro, Aécio embolsou sozinho R$ 1 milhão dos R$ 7 milhões que foram arrecadados pelo esquema durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Na ocasião, Machado era líder do PSDB no Senado.

Fernando Bezerra…Um olho no padre e outro na missa

Um olho no padre e outro na missa.Eu escuto esse ditado popular desde criança, mais parece que quando o assunto é politica, as pessoas fazem ouvido de mercador , ou se fazem de galinha morta para que ninguém as note.
Aonde eu quero chegar? Nas eleiçõesgg de de 2018. Por que depois que alcancei conhecimento, pude ver as coisas “politicais” com mais clareza, com olhar mais aguçado.
Embora a efervecencia nessa eleição de 2016 em petrolina esteja no topo máximo da adrenalina, poucos se arriscam a dizer que a velha raposa da politica, Fernando Bezerra, está com o olho mesmo é em algo maior.
Usando da premissa de ter seu filho como candidato a prefeito em Petrolina, Fernando visa mesmo é o topo da piramide, ou seja, o governo estadual, nada mais, nada menos. Ele que foi cortado dos planos do falecido Eduardo Campos na última eleição, ficou com um nó na garganta por não ter sido o escolhido naquela época. Agora, já que Pernambuco é um barco sem capitão, Fernando precisa se articular de forma inteligente e perspicaz. Começou emplacando Fernando Filho como Ministro de Temer em uma negociação nebulosa, onde o PSB ficou rachado por conta do episódio.
Agora quer emplacar Miguel como prefeito em Petrolina, para poder começar o seu sonho de chegar ao Palácio do Campo das Princesas para comandar a sede administrativa do poder executivo do estado de Pernambuco. Ele quer ser o homem forte que domina o sertão. Ele que é audacioso e se faz de bom menino, não perde as oportunidades de fazer com que a massa que ele manobra, o leve direto ao seu objetivo.
O bom mesmo é canja de galinha e precaução. Os objetivos na politica nunca são o que realmente aparentam ser. Um olho no padre e outro na missa.Eu escuto esse ditado popular desde criança, mais parece que quando o assunto é politica, as pessoas fazem ouvido de mercador , ou se fazem de galinha morta para que ninguém as note.

 

Por Cauby Fernandes

Faculdades temem “colapso” se FIES não for liberado pelo Congresso

tempoestudo-1

 

O Senado Federal adiou para o dia 4 de outubro a votação do projeto de lei que autoriza a liberação de R$ 702,5 milhões para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A demora tem preocupado as instituições privadas de Ensino Superior, que, desde agosto, estão sem receber do governo federal os valores referentes às mensalidades dos mais de 2 milhões de estudantes que participam do programa.

O adiamento na apreciação pelo Congresso Nacional do Projeto de Lei de crédito suplementar está impedindo a renovação dos contratos do Fies – aditamento que serve para confirmar se o aluno continua em situação regular na instituição de ensino para a qual solicitou o financiamento e corrigir ou alterar dados cadastrais.

O crédito extra seria utilizado para quitar uma dívida do governo de R$ 700 milhões com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil referente às taxas de administração dos contratos.

Segundo o diretor executivo do Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp), Rodrigo Capelato, os bancos não irão renovar os contratos enquanto a divida não for paga. “Não votar é uma irresponsabilidade muito grande”, protestou.

De acordo com Capelato, as instituições de Ensino Superior privado de menor porte são as que mais sofrem com esse impasse, já que ao menos 50% dos alunos dessas faculdades participam do Fies.  “É uma situação extremamente complicada e grave”, afirmou.

Para o diretor do Semesp, sem receber o pagamento das mensalidades dos mais de 2 milhões de estudantes que possuem o Fies, as entidades privadas podem tomar medidas drásticas. Segundo ele, algumas já sofrem com atrasos no salário dos professores e nas despesas com fornecedores.

“Se elas [as faculdades] não receberem, vão começar a demitir em massa. Não tem como, vai entrar em colapso”, disse.

Capelato descartou a ideia de que as instituições passem a cobrar as mensalidades dos alunos que participam do Fies. No entanto, apontou que as entidades podem não renovar as matriculas desses estudantes em janeiro.

 

1 em cada 3 brasileiros culpa a mulher por estupro ( Absurdo!)

a-guerra-o-estupro-e-o-machismo-mulheres-pelo-mundo-abre-800x445

Mais de 33% da população brasileira consideram a vítima culpada pelo estupro. O dado consta de pesquisa  encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

Divulgado nesta quarta-feira (21), o levantamento mostra ainda que 42% dos homens e 32% das mulheres entrevistados concordam com a afirmação: “mulheres que se dão ao respeito não são estupradas”, enquanto 63% das mulheres discordam.

“O percentual dos que concordam não varia entre homens e mulheres (30%), o que significa que, para um terço dos brasileiros, a mulher que é agredida sexualmente é, de alguma forma, culpada pela agressão sofrida se opta por usar certas peças de roupa”, diz o levantamento.

De acordo com a pesquisa, os graus de concordância variaram mais em função da idade e escolaridade. Os grupos que mais se afastam da média são as pessoas com 60 anos ou mais, com 49% de discordância e, no lado oposto, as pessoas com ensino superior, em que a discordância chegou a 82%.

O levantamento mostra também que 65% da população tem medo de sofrer violência sexual. “O percentual cresce quando desagregamos o dado por sexo, já que 85% das mulheres brasileiras afirmam ter medo ante 46% dos homens”.

Foram ouvidas  3.625 entrevistas com pessoas a partir de 16 anos de idade, em 217 municípios. A coleta de dados foi feita entre os dias 1º e 5 de agosto deste ano. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Fonte :Datafolha

 

Governo anuncia medida provisória para reformar ensino médio

34a42c2e68b7ff90b5992c23d6778943ec12491a
Equipe de Michel Temer desistiu de aguardar votação de projeto de lei na Câmara e editou MP que passa a valer assim que for publicada; proposta prevê a ampliação da carga horária e a flexibilidade do currículo escolar

Presidente Michel Temer assina medida provisória sobre reforma do ensino médio ao lado do ministro da Educação
Marcos Corrêa/PR – 22.9.16
Presidente Michel Temer assina medida provisória sobre reforma do ensino médio ao lado do ministro da Educação
O governo federal anunciou nesta quinta-feira (22) o lançamento do “Novo Ensino Médio”. As mudanças serão realizadas por meio de uma Medida Provisória, que passa a valer assim que for publicada no “Diário Oficial” e terá 120 dias para ser aprovada ou não no Parlamento.

A equipe do presidente Michel Temer até então avaliava se assinava uma MP ou aguardava a tramitação, na Câmara dos Deputados, do projeto de lei que regulava a reforma do ensino médio.

O tema ganhou urgência no governo após a divulgação dos dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade do ensino no País. Pelo segundo ano consecutivo, a meta estabelecida para o ensino médio não foi cumprida e a etapa está estagnada desde 2011.

Para o ministro da Educação, Mendonça Filho, essa “falência” do ensino médio justifica a MP. “Não podemos ser passivos, não podemos ser tolerantes diante de um quadro desse”, afirmou o ministro durante o anúncio.

As principais mudanças destacadas por Mendonça foram a ampliação da carga horária – de forma gradual, com politica de escola em tempo integral – e a flexibilização do currículo. Assim, os alunos poderão escolher seguir algumas trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza e ciências humanas – modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Prefeito de Petrolina sofre perseguição

 

images

Os sorteados no programa Minha Casa Minha Vida, no Residencial Parque São Gonçalo, terão que esperar nova data para receber seus imóveis. O prefeito Julio Lossio atribui o cancelamento de entrega das Moradias a perseguição política .
O residencial estava com entrega prevista para esta quinta feira, dia 22. Com todas as etapas de regularização do processo cumpridas, inclusive as reuniões técnicas sociais e de identificação de endereço de cada sorteado, a prefeitura estava com tudo pronto pra fazer a alegria dos futuros moradores. De repente o governo federal, através da Caixa Econômica suspendeu a assinatura dos contratos e, consequentemente, a entrega das casas.
Coincidencia? Havia algo errado? Faltou documentação? NÂO!! a grande verdade é que existe uma turma que não quer ver o pobre saindo do aluguel, tendo a dignidade de morar no que é seu por direito de sorteio!
Em um momento como este de tantas dificuldades é muito importante a priorização de programas como ‘Minha Casa, Minha Vida’ . O MCMV é um programa fundamental para gerar emprego e renda.
Ô periodo eleitoral dificil viu? O povo todo feliz e de repente, tudo vai pelo ralo! Vai entender!!

Cauby Fernandes

Brasileiro não sabe em quem acreditar!

523236_239182432846462_183441948420511_436363_493062646_n-600x422

Onde vamos parar! Eu acreditava em Tancredo Neves, eu acreditei em Ulisses Guimarães, eu acreditei em Joaquim Barbosa, também dei confiança a Moro, disse que Lula era bom e que Dilma era melhor com Eduardo Campos…..Estou angustiado! Não sei onde meu país vai parar!

Estou envergonhado, querendo ir embora, vendo instituições falindo, delações sendo melhor do que assistir folhetim da globo ….Estou angustiado! Onde e quando vai parar esse clima de incerteza no meu país.

Estou me sentindo naquele seriado que tinha Mcgiver como protagonista, onde só ficávamos esperando ele aparecer para dar um jeito na situação…  Cadê os X-Mens, Super man ou até mesmo a Mônica com seu coelhinho pra dar pauladas nessa bandalheira que se instalou no País!

Nordestinos sofrem, Sulistas agonizam, Nortistas não sabem pra onde vão… Estamos todos sem liderança, sem um muro de arrimo…Meu Brasil não tem politico bom! Tem os meia bocas que nem cheiram e nem fedem, queremos um líder, queremos alguém que bote ordem na casa.

Onde vamos parar! Eu acreditava em Tancredo Neves, eu acreditei em Ulisses Guimarães, eu acreditei em Joaquim Barbosa, também dei confiança a Moro, disse que Lula era bom e que Dilma era melhor com Eduardo Campos…..Estou angustiado! Não sei onde meu país vai parar!

Cauby Fernandes

A cachaça que embriaga o Senador pernambucano

o-poder-da-persuasaoQuerer poder, estar no poder, poder de governar, poder de mandar, poder de exonerar, poder de admitir, poder, poder, poder.

Essa tão inebriante cachaça, faz com que pessoas de bem se corrompam, faz amigos perderem bons amigos,faz amizades e casamentos se desfazerem.  Se você quer conhecer uma pessoa, dê a ela poder ou tire o poder dela. Máscaras caem, o orgulho se revela, as mágoas vêm à tona e tudo de ruim ou de bom pode acontecer. Imprevisível o que esse tal de poder pode fazer.

Em Pernambuco o que chama a atenção é a  sede da família Coelho de Petrolina,  de querer perpetuar o poder dentro dos seus casarios. Não bastasse um ser senador, outro ministro, agora, querem colocar o mais novo político da família como prefeito da cidade dos impossíveis (nome dado à Petrolina).

Se isso pode acontecer só as urnas dirão, se isso vai acontecer ou não, só dia 02 de outubro saberemos. O fato é que a sede pelo poder de Fernando Bezerra é imensurável! Ele que já fez de tudo em relação à política, de traição ao perdão, não se cansa de querer mais e mais. É até plausível e fácil de entender essa sede.

Fernando nunca ficou fora do poder da cidade por tanto tempo, e seu algoz político Julio Lossio  prometeu que o venceria nessa eleição fazendo seu sucessor na cidade, fato que nunca dantes aconteceu no município.

Se Lossio conseguir essa façanha estará enterrando de vez a sanha de Fernando Bezerra pela pujante Petrolina? Será que Fernando vai aguentar mais uma derrota?

Pelo que se sabe , e corre à boca miúda, Fernando armou um esquema para que não veja seu filho sair como derrotado no pleito eleitoral. Mas será que vai funcionar?  Vamos esperar.

Querer poder, estar no poder, poder de governar, poder de mandar, poder de exonerar, poder de admitir, poder. Essa é a sede de Fernando Bezerra e seus asseclas.

 

Cauby Fernandes

 

 

Reflexão

20141129-frases-reflexao

Professora Célia Regina se apresenta como bom nome para Petrolina

 

 

celia

Abandonando os formatos conservadores, a Professora Célia Regina, lançou seu nome para concorrer a uma vaga na Câmara de Vereadores de Petrolina. Confiante em sua competência e trabalhos prestados à sociedade, Célia Regina se preparou não apenas em termos de conhecimento da política com uma ciência social, mas também como  mulher que possa colaborar na melhoria da cidade e da vida dos seus munícipes.

Ela que levantou a bandeira de Educação com Cidadania, tem conversado com líderes, com professores, profissionais liberais e principalmente com as comunidades, para que seu nome seja um dos escolhidos para que um novo tempo de mudanças chegue à Casa Plínio Amorim.

Filiada ao PMDB, Célia Regina nunca foi candidata a cargo político eletivo, razão que eleva  seu  nome para escolha à  vaga de Vereadora em Petrolina.

Célia Regina é educadora  por formação  e vocação  e foi escolhida pelo Governo estadual à época,  para ser  diretora na primeira escola de referencia em Petrolina, a Escola Clementino Coelho, onde fez um excelente trabalho. O progresso da Escola e seus alunos  chamaram  a atenção do prefeito Julio Lossio,  que de pronto ,  a convidou para ser a secretária de educação, cargo que ocupou com maestria. Célia Regina com sua equipe,   transformaram a educação do município, fazendo  com que o IDEB do município  alcançasse posições nunca antes obtidas. Célia Regina também foi secretária de cidadania, onde também implantou diversos programas bem sucedidos que a elevaram ao patamar de excelência em gestão.

“Eu me sinto e estou preparada para fazer uma legislatura diferente das convencionais que hoje acontece no município. Minha bandeira sempre foi educação com cidadania, e tenho certeza que essa bandeira é a que fará mudanças no mundo todo, a começar pela minha cidade. Petrolina precisa de renovação e da força expressiva da mulher. Vamos à luta”, disse Célia Regina.

 

Por Cauby Fernandes

Lago de Sobradinho agoniza e vai para o volume morto

1157

 

Sobradinho, a segunda maior represa  do Brasil em quantidade de água,  está em alerta e acionou o sinal vermelho. O lago agoniza e  chegará ao  volume morto. Isso acontece em função da grande seca que assola todo o Nordeste. Sobradinho deve zerar neste ano e vai para o volume morto em dezembro.

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou que Sobradinho registrava acúmulo de água correspondente a apenas 12% de sua capacidade. Em setembro, o órgão avaliou reduzir a vazão das comportas da usina de 800 para 70 metros cúbicos por segundo como forma de evitar alcançar o volume morto rapidamente. O Ibama recomenda uma vazão de 1,1 mil m³/seg.

“Acompanhamos a Bacia do São Francisco há 84 anos. Nunca vimos nada assim.Temos de reduzir a vazão. Não se trata mais de preservar só o setor elétrico, até porque a região pode recorrer à geração de outras fontes. Estamos falando de água para consumo. A questão fundamental é o abastecimento humano”, diz João Henrique Franklin, superintendente de operação e contratos de transmissão e energia da Chesf, estatal responsável pela barragem.

Por Cauby Fernandes