Lula deixa sede de sindicato e se entrega à PF em São Paulo

O ex-presidente Lula deixou por volta das 18h40 a sede do Sindicato dos Metálurgicos do ABC em direção ao aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Na saída, manifestantes e militantes do Partido dos Trabalhadores fizeram uma corrente humana na tentativa de impedir a saída do ex-presidente. O impasse demorou várias horas.

Da sede do sindicato até o aeroporto o carro de Lula será escoltado por um combio de viaturas da Polícia Federal. O trajeto, sem trânsito, dura cerca de meia hora.

Em Curitiba, para onde o ex-presidente será levado, haverá uma limitação no fluxo de pessoas no entorno do prédio. De acordo com a Polícia Militar os dois grupos – a favor e contra Lula – ficarão separados por um espaço de 30 metros, entre eles haverá ainda uma barreira de policiais e carros da corporação para assegurar que manifestantes não se encontrem.

O comandante do Batalhão de Polícia de Trânsito, tenente-coronel Polak, explicou que os apoiadores de Lula ficarão próximas ao portão de acesso à Superintendência. Já os opositores deverão se concentrar do outro lado do prédio. Segundo o comandante, a medida serve para evitar confrontos e permitir que possam se manifestar.

“Tudo isso é para que eles não se misturem, não fiquem  se degladiando, porque não é isso que nós queremos. A democracia diz que todos nós temos a liberdade de expressão”, disse. O militar não revelou o número de policiais que devem trabalhar na operação por questões de segurança. A determinação foi negociada com grupos a favor de Lula que se encontram no local desde a manhã.  A PM evitou dar uma estimativa de manifestantes no local. O comandante informou também que assim que grupos contrários ao petista chegarem na Superintendência serão encaminhados para o local destinado a eles. 

Imprensa atacada

Pedro Durán, ao lado de outros jornalistas, tinha entrevistado o ex-ministro do governo Lula Celso Amorim quando foi empurrado pelo manifestante dentro do sindicato, que tentou atirar objetos, como garrafas e até a própria grade de proteção que isolava a imprensa. A confusão, registrada por vários veículos de imprensa, só foi controlada depois que os deputados Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e Carlos Zarattini (PT-SP), além do coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, retiraram Durán do local.

O repórter teve um arranhão no braço e saiu do prédio pelo subsolo. Ele continua na cobertura do lado de fora do sindicato.  O ataque ao repórter não foi o primeiro na cobertura sobre a ordem de prisão expedida pelo juiz federal Sérgio Moro contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na última quinta-feira (5), durante protesto em frente à Central Única dos Trabalhadores (CUT), no centro de Brasília, uma equipe do jornal Correio Braziliense – uma repórter, uma fotógrafa e um motorista – tiveram o carro em que estavam depredado. Uma equipe do SBT e um repórter fotográfico da Agência Reuters também foram agredidos.

Ontem (6), em São Bernardo do Campo (SP), o jornalista Nilton Fukuda, repórter da Agência Estadão Conteúdo, e a jornalista Sônia Blota, da Band, foram agredidos ao registrarem manifestações em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Ambos foram atingidos por ovos jogados pelos manifestantes. Reação As agressões a jornalistas registradas durante a cobertura de protestos em São Paulo e Brasília geraram reações de entidades de imprensa. Ontem (6) em nota conjunta, a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert). 

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

PM define locais para manifestantes em frente à PF, em Curitiba

PM define locais para manifestantes em frente à PF, em Curitiba

Com a expectativa da chegada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a Polícia Militar (PM) do Paraná organiza áreas específicas para manifestantes favoráveis e contrários ao ex-presidente em frente ao prédio da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

Os dois grupos ficarão separados por um espaço de 30 metros, entre eles haverá ainda uma barreira de policiais e carros da corporação para assegurar que manifestantes não se encontrem.

O comandante do Batalhão de Polícia de Trânsito, tenente-coronel Polak, explicou que os apoiadores de Lula ficarão próximas ao portão de acesso à Superintendência. Já os opositores deverão se concentrar do outro lado do prédio.

Segundo o comandante, a medida serve para evitar confrontos e permitir que possam se manifestar. “Tudo isso é para que eles não se misturem, não fiquem  se degladiando, porque não é isso que nós queremos. A democracia diz que todos nós temos a liberdade de expressão”, disse. O militar não revelou o número de policiais que devem trabalhar na operação por questões de segurança.

A determinação foi negociada com grupos a favor de Lula que se encontram no local desde a manhã.  A PM evitou dar uma estimativa de manifestantes no local. O comandante informou também que assim que grupos contrários ao petista chegarem na Superintendência serão encaminhados para o local destinado a eles. Com informações da Agência Brasil.

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

Marina Silva lança pré-candidatura e comenta situação de Lula

Resultado de imagem para marina silva

Marina Silva lançou sua pré-candidatura à Presidência da República pela Rede Sustentabilidade, na tarde deste sábado, 7, em Brasília. No evento, a ex-ministra do Meio Ambiente durante o governo Lula comentou a situação do ex-presidente. “O momento que estamos vivendo, que não é de celebração, é de tristeza, claro. Um ex-presidente da República poderia estar apto a fazer o que bem quisesse na política, sendo interditado pela Justiça, por erros”, disse ela.

Enquanto Marina lançava sua pré-candidatura, o petista discursava para apoiadores em São Bernardo. “Mas, por outro lado, é uma sinalização de que nós podemos começar a ter esperança de que se está iniciando um tempo, de que a lei será igual para todos. Se, e somente se, nós tivermos cuidado nesse processo e que não se permita mais que os Renans, aos Aécios, os Padilhas e os Temeres fiquem impunes sob o manto do foro privilegiado”, completou, citando nominalmente os senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e Aécio Neves (PSDB), além dos emedebistas Eliseu Padilha e Michel Temer, presidente da República. Todos eles são investigados na Operação Lava Jato pelo Supremo Tribunal Federal (STF), pois têm prerrogativa de foro privilegiado.

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

CUBAPE-Petrolina: uma central que trabalha para o governo Novo Tempo

Petrolina se tornou terra que tudo pode.  Nos últimos meses, o que estamos vendo é o delinear de uma nova ordem em Petrolina. Antigamente, e em todos os governos, os CRAS e CREAS, eram entidades que sempre foram usadas para trazer benefícios à sociedade. Pois bem. Petrolina hoje possui 10 unidades de CRAS, que nada mais é que,  um Centro de Referência de Assistência Social (Cras), sendo  a porta de entrada da Assistência Social em qualquer município.

O CRAS é  um local público, localizado prioritariamente em áreas de maior vulnerabilidade social, onde são oferecidos os serviços de Assistência Social, com o objetivo de fortalecer a convivência com a família e com a comunidade. A partir do adequado conhecimento do território, o CRAS promove a organização e articulação das unidades da rede socioassistencial e de outras políticas. Assim, possibilita o acesso da população aos serviços, benefícios e projetos de assistência social, se tornando uma referência para a população local e para os serviços setoriais.

Mas como já dissemos, no município tudo pode. E hoje, os CRAS, se tornaram segundo plano na visão do governo Novo Tempo.E em primeiro lugar, para beneficiar poucos ou os que comungam com as intervenções do governo Novo tempo, se tem usado a Central Única dos Bairros (CUBAPE), uma associação das associações, que tem um único fim…Obedecer as ordens da gestão municipal.

A CUBAPE é comandada pelo Diretor da prefeitura , lotado na Secretaria de Gestão Administrativa (SEGAD), Pedro Caldas Filho. Ele é o homem que dá as ordens finais na Central Única dos Bairros. Pedro Caldas, é fiel escudeiro do grupo de Fernando Bezerra, e como não podia ser diferente, é esse homem,  que usa o nome da Central dos bairros, para as festas de São João nos bairros, Carnaval e outras. E tudo isso com o aval da prefeitura. Através da Cubape, são feitas várias ações ,inclusive, a entrega de carne de bode e outras finalidades que caibam a CUBAPE. Como já dissemos: Petrolina se tornou terra que tudo pode. E os CRAS? Fora de cogitação.

Resultado de imagem para cauby fernandes

 

Ver Postagem

Lula dá susto ao passar mal em discurso

ex-presidente Lula passou mal após o discurso emocionado e forte que ele fez em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP).

Mas segundo informações de membros do Partido dos Trabalhadores, foi apenas um susto. Lula foi levado para a parte interna do Sindicato e recebeu atendimento médico. Ele estava muito emocionado e com a voz rouca.

“Ele está bem”, disse uma porta-voz do PT ao microfone.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu se entregar à Polícia Federal neste sábado (7). Ele está a caminho de Curitiba, no Paraná.

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

Petrolina: morre assessor do vereador Ruy Wanderley

Resultado de imagem para lutoO gabinete do vereador de Petrolina, Ruy Wanderley, está de luto. O blog A língua está de luto.  Faleceu no final da noite de ontem (6) um dos seus assessores  e chefe de gabinete do vereador. Cleyssinho, como era conhecido entre os mais próximos.

Depois de sofrer  um AVC (Acidente Vascular Cerebral), o assessor não resistiu, e nesta noite da sexta-feira, 6, foi noticiado o seu falecimento.

O blog A língua se irmana nessa corrente de solidariedade pela família que perde um homem dedicado ao que fazia. O velório está sendo realizado na Câmara de vereadores de Petrolina, e o sepultamento será às 15hs, no  Cemitério Campo da Paz.

Resultado de imagem para cauby fernandes

 

Ver Postagem

Justiça terá que ‘entregar’ outra cabeça após prisão de Lula

Justiça terá que 'entregar' outra cabeça após prisão de Lula

presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves podem ser os próximos alvos do Judiciário após a prisão de Lula. Pelo menos é esta a sensação que corre no universo político brasileiro, segundo informações da colunista Monica Bergamo, da Folha de São Paulo. Nos bastidores políticos, corre a notícia de que a Justiça pode ser pressionada a ‘entregar’ outra cabeça, tão coroada quanto a do ex-presidente e também envolvida em processos.

A ordem de prisão do líder petista foi determinada em tempo recorde pelo juiz federal Sérgio Moro na última quinta-feira,5, um dia após a decisão deliberada pelo Supremo Tribunal Federal, que por um placar de 6×5 negou o recurso de habeas corpus solicitado pela defesa de Lula, abrindo caminhos para a sua prisão após condenação em segunda instância. 

Logo, os próximos da linha de tiro depois da prisão de Lula seriam o presidente Michel Temer, que deixa o cargo em dezembro deste ano, e o senador Aécio Neves, ambos envolvidos em acusações fruto de desdobramentos da Operação Lava Jato.

Resultado de imagem para cauby fernandes

 

Ver Postagem

Temer exonera 6 ministros que concorrerão nas eleições, mas não Meirelles

O Diário Oficial da União desta sexta -feira  6, trouxe as exonerações da reforma ministerial forçada pelo prazo de desincompatibilização de cargos públicos daqueles que querem disputar algum cargo nas eleições de outubro. Foram exonerados 7 ministros: 6 que serão candidatos e Dyogo Oliveira, que deixa o Planejamento para assumir o BNDES.

Mas entre os nomes não aparece o de Henrique Meirelles, que pretendia deixar o Ministro da Fazenda para emplacar uma candidatura à Presidência. A exoneração ainda pode ser publicada em edição extra do Diário Oficial. O ministro disse que anunciaria sua decisão nesta sexta-feira, 6.

O prazo para que os candidatos deixem cargos do Poder Executivo acaba no sábado, 7 de abril.

Meirelles filiou-se na 3ª feira (3.abr) ao MDB, com a intenção de compor uma chapa com Michel Temer para disputar o Planalto. O evento teve até música tema  (assista ao vídeo).

Esses são os ministros, confira a  lista de todos exonerados:

Dyogo Oliveira: deixa o Planejamento para assumir a presidência do BNDES;
Fernando Coelho Filho (MDB-PE): deixa Minas e Energia para concorrer à Câmara.
Leonardo Picciani (MDB-RJ): deixa o Esporte para concorrer à Câmara.
Marx Beltrão (MDB-AL): deixa o Turismo para concorrer ao Senado.
Mendonça Filho (DEM-PE): deixa a Educação para concorrer à Câmara.
Osmar Terra (MDB-RS): deixa Desenvolvimento Social para concorrer à Câmara.
Sarney Filho (PV-MA): deixa o Meio Ambiente para concorrer ao Senado.

Outras exonerações
Fátima Pelaes – secretária nacional de Políticas para Mulheres
Guilherme Campos Júnior – presidente dos Correios
Luiz Fernando Leone Vianna – diretor-geral brasileiro da ITAIPU
Neri Geller – secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura
Marivaldo Gonçalves de Melo – presidente do Banco da Amazônia
Julio Cesar de Araujo Nogueira – diretor da Dataprev
Antonio Carlos Figueiredo – secretário-executivo do Ministério da Saúde

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

Ministro do STJ nega habeas corpus ao ex-presidente Lula

Ministro do STJ nega habeas corpus ao ex-presidente Lula

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Félix Fischer negou há pouco habeas corpus protocolado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para anular o decreto de prisão assinado pelo juiz federal Sérgio Moro.

Conforme mandado de prisão expedido pelo juiz federal Sérgio Moro. Lula terá que se entregar à PF até as 17h desta sexta-feira (6).

Na decisão na qual decretou a prisão, Moro explicou que Lula não ficará em uma cela “em atenção à dignidade cargo que ocupou”. De acordo com o juiz, o ex-presidente deve ficar separado dos demais presos para “preservar sua integridade física e moral”.

A prisão de Lula foi decretada com base no entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), fixado em 2016, que autorizou a execução provisória da pena de condenados pela segunda instância da Justiça. Na quarta-feira (4), a defesa do ex-presidente tentou reverter o entendimento, mas, por 6 votos a 5, a Corte negou um habeas corpus preventivo para evitar a prisão.

Resultado de imagem para cauby fernandes

Ver Postagem

Se Lula estiver em casa, não pode ser preso após as 18h; entenda

Se Lula estiver em casa, não pode ser preso após as 18h; entendaO ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu ordem de prisão do juiz Sérgio Moro e deve se apresentar, na sede da Polícia Federal (PF) de Curitiba, nesta sexta-feira (6), até 17 horas. No entanto, segundo aliados próximos, ele avalia a possibilidade de não se entregar.

De acordo com informações de O Globo, se até o horário limite o petista não se entregar, a PF está autorizada a cumprir o mandado de prisão, mas não o pode fazer após às 18 horas e antes das 6 horas do dia seguinte, se o alvo estiver em sua residência.

“Em tese, até mais ou menos 18h, a polícia poderia ingressar no domicílio, salvo quando é flagrante, o que não é o caso de Lula. Também não seria o caso de considerá-lo foragido, porque é preciso que se tenha uma ordem de prisão e o acusado não for preso”, explicou o criminalista André Kehdi, presidente do Conselho Consultivo do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM).

A corporação já mantém uma equipe de prontidão, em São Paulo, caso seja necessário. Um avião da PF também está a postos no Aeroporto de Congonhas.

Ver Postagem