José Gualberto recebe em Recife o ‘Grande Prêmio Orgulho de Pernambuco’

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e terno

O presidente da Associação dos Produtores e Exportadores de Hortifrutigranjeiros e Derivados do Vale do São Francisco (Valexport), José Gualberto de Almeida, recebeu na noite desta terça-feira (28), no Recife, o ‘Grande Prêmio Orgulho de Pernambuco’ na categoria Agropecuária.

A cerimônia de entrega, promovida pelo Diário de Pernambuco, foi realizada no Gabinete Português de Leitura e premiou os destaques em 21 categorias, entre personalidades com trabalhos desenvolvidos nos segmentos econômico, social e cultural. Escolhido através de votação popular, o destaque agropecuário de Pernambuco em 2017 agradeceu a premiação e enfatizou a importância do jornal. “Um verdadeiro patrimônio dos pernambucanos com 192 anos de história, que, ao premiar nosso projeto, reconhece a importância da agricultura irrigada e do polo vitivinícola do Vale do São Francisco”, pontuou.

Engenheiro Industrial e Metalúrgico com formação na Universidade Federal do Rio de Janeiro, José Gualberto escolheu trabalhar no semiárido nordestino, onde desempenhou importante papel no desenvolvimento regional como diretor executivo do grupo Milano    (desde 1972), secretário de Agricultura de Pernambuco (1990/1991) e prefeito de Santa Maria da Boa Vista (1993/1996), entre outras funções. Mas foi como gerente da Vinícola do Vale do São Francisco, que José Gualberto iniciou, na década de 80, a produção de vinhos finos no Vale do São Francisco, tendo entre suas marcas o premiado Botticelli. Inventivo e empreendedor, este pernambucano filho de Sertânia, vem se destacando à frente da Valexport com programas inovadores visando à consolidação das exportações de manga e uva da região.

São iniciativas bem avaliadas o Laboratório de Solos e Plantas de Petrolina – LASP, considerado um dos melhores do país; a implantação de sistemas de certificação de qualidade (Produção Integrada de Frutas (PIF), Globalgap e Eurep–Gap), além do grande projeto de Uvas sem Semente e da conquista da Indicação Geográfica de Procedência da Uva e da Manga do Vale do São Francisco.

“Estamos já em processo final de obtenção da Indicação de Procedência para os Vinhos do Vale do São Francisco. A iniciativa vai possibilitar uma maior divulgação e notoriedade dos vinhos da região, melhor reconhecimento pelos consumidores nacionais e estrangeiros, garantia de qualidade, incremento do Enoturismo e a sustentabilidade dos produtores e vinícolas”, adiantou animado.

O ‘Grande Prêmio Orgulho de Pernambuco’ já é uma tradição no calendário de eventos do estado e nesta edição obedeceu a um novo formato. Os 21 dos 29 agraciados da versão 2017 foram escolhidos entre 100 concorrentes pelo voto popular (15 mil votantes) através de um site exclusivo.  O jornal também promoveu uma ação na praia de Boa Viagem com uma urna especial. Os nomes dos finalistas foram indicados por formadores de opinião e por representantes de entidades de classe; e entre os premiados, personalidades bastante conhecidas, a exemplo de Francisco Brennand (artes plásticas), João Carlos Paes Mendonça (shopping center) e Jô Mazarollo (jornalismo televisivo).

Por Cauby Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.